Anvisa está muito tranquila com decisão de máscaras em aeroportos, diz Barra Torres


O diretor-presidente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antônio Barra Torres, afirmou, nesta terça-feira (29), que a agência está “muito tranquila” em relação a decisão que tomou sobre o uso de máscaras em aeroportos e aviões.

Na noite do último dia 22, a Anvisa decidiu pelo retorno da obrigatoriedade do uso por conta do cenário nacional de alta de casos e mortes pela Covid-19. A medida começou a valer na última sexta-feira (25).

Barra Torres argumentou que a decisão da agência foi baseada em consultas com os presidentes das sociedades brasileiras de especialidades médicas, como a de infectologia e pediatria. “Estamos bastante seguros quanto a isso”, afirmou.

Em relação a projetos em trâmite no Congresso para derrubar a obrigatoriedade, o diretor-presidente da Anvisa afirmou que “faz parte do estado democrático, que sempre precisa ser preservado”.

Ele ainda explicou que o cenário é dinâmico e há monitoramento constante, mas ainda não é possível cravar se vão haver outras restrições.

“Se a situação se reverter, a medida pode ser suspensa, revogada. Como também, se o cenário determinar que outras medidas ainda mais rígidas venham surgir, estaremos prontos para fazer”, disse Barra Torres. “O que não vamos é prevaricar diante da necessidade de proteger o nosso cidadão”, acrescentou.

Ele também explicou que a Anvisa mantém contato com órgãos estaduais e municipais, mas ressalta que a Anvisa atua dentro de sua esfera.

“Nesse caso, a Anvisa tem o dever de atuar em portos, aeroportos e fronteiras. Temos que fazer, é a nossa atribuição”, pontuou.

Assista a entrevista completa no topo da página.

* Publicado por Léo Lopes, com produção de Basília Rodrigues, da CNN

Este conteúdo foi originalmente publicado em Anvisa está muito tranquila com decisão de máscaras em aeroportos, diz Barra Torres no site CNN Brasil.