“Golpe mundial”: argentinos repercutem derrota para a Arábia Saudita


Após a inesperada derrota da Argentina para a Arábia Saudita por 2 a 1, na manhã desta terça-feira, 22, o jogo de abertura do Grupo C da Copa do Mundo repercutiu nas capas dos jornais de maior relevância na Argentina.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 9,90/mês. Não perca!

Há 36 partidas sem perder, os argentinos tiveram sua invencibilidade quebrada logo em sua estreia no Mundial. Depois de Lionel Messi marcar no primeiro tempo e deixar a equipe argentina à frente, os árabes deram trabalho para a albiceleste e conseguiram virar o placar logo no início do segundo tempo.

O diário Olé, um dos principais periódicos da Argentina, interpretou a derrota da seleção como “um golpe mundial”, dando ênfase para os três gols anulados no início do primeiro tempo.

Jornal Olé/ReproduçãoOlé/Reprodução

Já o Clarín estampou em seu site: “Argentina caiu na teia da Arábia Saudita e sofreu um golpe histórico no Catar”.

Continua após a publicidade

Jornal Clarín/ReproduçãoClarín/Reprodução

O jornal La Nación classificou a Argentina como “uma equipe inexplicável que se tornou um fantasma” diante da bela atuação dos árabes em campo. O La Prensa também destacou a dura derrota como um “golpe mundial”.

La Nacion/ReproduçãoLa Nacion/Reprodução

Em sua última participação em uma Copa, Messi demonstrou frustração com o resultado. “É um golpe muito duro. Não queríamos estrear dessa maneira. Queríamos vencer, para dar tranquilidade. Esse momento é de focar na fortaleza, na união do grupo. É o momento de estarmos mais unidos do que nunca”, disse o camisa 10 da Argentina, que completou dizendo que o foco agora é vencer o México: “temos que seguir confiando em nós”.

Vale lembrar que a única seleção na história das Copas do Mundo que perdeu a partida de estreia, mas foi campeã, é a Espanha, que em 2010 foi superada pela Suíça em seu primeiro jogo por 1 a 0, mas depois levantou a taça. A seleção argentina agora busca recuperação para enfrentar o México, neste sábado, 26, às 16h (de Brasília) e tentar uma melhor posição no grupo C.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN

Continua após a publicidade