Famílias de mexicanos presos em mina rejeitam nova estratégia de resgate


As famílias dos dez mineiros presos embaixo da terra no México desde o início de agosto rejeitaram uma nova estratégia de resgate proposta pelo governo, disse o presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, nesta sexta-feira (26).

A proposta, que envolvia a construção de túneis subterrâneos, foi rejeitada com base em quão demorada seria, disse López Obrador.

A mina El Pinabete em Coahuila, México, desabou em 3 de agosto. Equipes de resgate conseguiram resgatar cinco pessoas, mas dez continuam presas em poços inundados.

Não houve sinais conhecidos de vida ou contato com os mineiros desaparecidos desde então.

Obrador disse que queria que as famílias das vítimas fossem envolvidas na estratégia de resgate, já que as decisões surgiram com mais de três semanas de saga.

“Eu instruí (socorristas) a informar as famílias, e eles discordaram. Não é que eles não queiram resgatar seus parentes; parece muito tempo para eles”, disse López Obrador na sexta-feira.

Questionado se as famílias receberam indenização do governo, López Obrador não negou a possibilidade de pagamento.

“Agora o mais importante é o resgate. Claro que há compensação, mas não é esse o ponto”, disse ele.

López Obrador acrescentou que os esforços para salvar os mineiros e indenizar suas famílias estão na mesa. “Estamos procurando qual é a melhor opção. E a instrução é que não desistamos”, disse.

Na última segunda-feira (22), a coordenadora de proteção civil do México, Laura Velazquez, disse que a profundidade da água nos vários poços inundados da mina era alta, medindo até 31 metros.

Os esforços dos socorristas para drenar a mina ajudaram a diminuir os níveis de água em geral – até que uma ruptura em uma mina vizinha fez com que a água voltasse.

“Infelizmente, ainda não conseguimos resgatar os mineiros. O progresso já estava sendo feito, mas o azar foi que outro buraco foi aberto na mina vizinha, que foi inundada, e o nível da água voltou a subir”, disse López Obrador naquele momento.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Famílias de mexicanos presos em mina rejeitam nova estratégia de resgate no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.