Skinmalism: minimalismo na pele é uma das tendências de beleza para 2023


Um relatório da Worth Global Style Network (WGSN), empresa global de previsão de tendências, ressaltou que o “skinimalism” é uma tendência de beleza para 2023. O neologismo une as palavras “skin” e “minimalism” que significam, em inglês, “pele” e “minimalismo”, respectivamente.

Ou seja, fazer coberturas de pele mais leves, utilizar menos produto e aceitar as imperfeições estarão em alta para o ano que vem.

Essa possível tendência de “quanto menos, melhor”, tem chancela médica, na visão do dermatologista da Rede Mater Dei de Saúde, João Renato Vianna Gontijo.

“O ideal é usar a menor quantidade e por período de tempo mais curto destes produtos, com limpeza do local após o uso”, explica o médico.

“A pele possui uma estrutura com microorganismos e substâncias para nos proteger de agentes infecciosos ou nocivos. O uso de maquiagem e outras substâncias em excesso pode causar uma alteração neste meio, levando a alterações na pele, como ressecamento, alergias e até infecções”, complementa.

Será esse movimento utópico? A Sócia e Head de Planejamento da YOUPIX, Rafa Lotto, entende o Skinimalism como mais uma frente surgindo em contraponto ao exagero não só de maquiagem, mas dos filtros, que estamos vivendo nas redes sociais.

Mas, ela faz a ressalva: “Se essa pele natural tem a exigência de ser maravilhosa, aí complica”.

Popverso CNN

O programa da CNN Brasil comandado por Mari Palma vai ao ar de segunda a sexta, primeiro no Youtube e Tik Tok, às 20h, e às 23h30 na TV. O programa ainda traz uma cobertura intensa do mundo da cultura pop e também um outro olhar sobre as notícias do dia a dia.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Skinmalism: minimalismo na pele é uma das tendências de beleza para 2023 no site CNN Brasil.