Arma usada no filme ‘Rust’ não poderia ser disparada sem puxar o gatilho, diz FBI


Os testes do FBI no tiroteio fatal no set de filmagem de “Rust” descobriram que a arma manuseada pelo ator Alec Baldwin não poderia ser disparada sem puxar o gatilho enquanto estava engatilhada.

Baldwin estava com a arma enquanto ensaiava uma cena do filme de faroeste no Bonanza Creek Ranch, no Novo México, em outubro de 2021, quando um tiro disparou, matando a diretora de fotografia Halyna Hutchins e ferindo o diretor Joel Souza.

Em dezembro, Baldwin disse à ABC News que nunca puxou o gatilho da arma que atirou em Hutchins. “O gatilho não foi puxado. Eu não puxei o gatilho”, disse Baldwin.

Baldwin, nessa entrevista, também descreveu como engatilhar a arma enquanto conversava sobre a cena com Hutchins.

Armar uma pistola de revólver como a usada no set de filmagem envolve puxar o martelo da arma para trás para preparar a arma para disparar. Quando o martelo da arma é lançado para frente com força suficiente – como acontece quando o gatilho é pressionado – ele atinge o primer de uma rodada de munição, fazendo com que a arma dispare.

O relatório forense do FBI foi entregue ao escritório do xerife do condado de Santa Fe como parte da investigação em andamento sobre o tiroteio fatal no set.

A análise descobriu que a arma, um revólver de ação simples 45 Colt calibre F.lli Pietta, “não poderia ser feito para disparar sem puxar o gatilho”, e que, quando a arma estava totalmente engatilhada, “não podia ser disparada sem puxar o gatilho”.

Os examinadores do FBI observaram um mau funcionamento interno da arma durante o teste na posição totalmente engatilhada, com o relatório observando “porções do gatilho e da parada do cilindro fraturadas enquanto o martelo foi atingido”.

O relatório do FBI observou as limitações dos testes forenses, dizendo que “pode ​​não ser possível recriar ou duplicar todas as circunstâncias que levaram ao disparo de uma arma de fogo sem puxar o gatilho”.

A CNN entrou em contato com um representante de Baldwin para comentar sobre o assunto.

Um advogado que representa Hannah Gutierrez Reed, que atuou como armeiro e assistente de adereços no filme, disse que o relatório forense indicava que “Baldwin tinha que ter puxado o gatilho para disparar o revólver” e que o jovem de 24 anos estava sendo usado como “bode expiatório.”

Parte da investigação policial do condado de Santa Fe se concentra em como uma munição real pode ter chegado ao set de filmagem.

Em abril, a Rust Movie Productions foi multada em quase US$ 137 mil e citada por ter uma cultura de “plena indiferença à segurança dos funcionários” no set, de acordo com um relatório do Departamento de Saúde e Segurança Ocupacional do Departamento de Meio Ambiente do Novo México.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Arma usada no filme ‘Rust’ não poderia ser disparada sem puxar o gatilho, diz FBI no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.