Varela, reforço do Flamengo, jogou no Manchester United e na Copa do Mundo


O Flamengo tem um novo lateral-direito: Guillermo Varela, de 29 anos, chega para assinar a princípio por um ano, até o meio de 2023. O uruguaio suspendeu seu contrato com o Dínamo Moscou, da Rússia, usando a permissão especial da Fifa para os atletas que jogam por países afetados pela guerra na Ucrânia. Jogador experiente, o novo reforço rubro-negro já defendeu o Manchester United, o Real Madrid B e foi titular de seu país na última Copa do Mundo.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Revelado pelo Peñarol em 2011, Varela foi vendido ao Manchester United após impressionar pela seleção uruguaia sub-20 no Sul-Americano da categoria, dois anos depois. Assinou por cinco temporadas e passou os dois primeiros anos atuando com frequência pela equipe sub-23, mas pouco foi aproveitado no time principal. Passou a temporada 2014/15 emprestado ao Real Madrid Castilla, na terceira divisão espanhola, onde foi titular.

Depois de uma passagem por empréstimo sem sucesso pelo Eintracht Frankfurt, marcada por um caso de indisciplina – ele fez uma tatuagem sem a permissão do clube, o local inflamou e ele virou desfalque para a final da Copa da Alemanha de 2017 -, Varela acabou voltando ao Peñarol em 2017, onde enfim conseguiu voltar a jogar com regularidade. As boas atuações em seu país natal recolocaram o jogador no radar da seleção uruguaia, na qual ele era presença constante nas categorias de base, e culminaram na convocação para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

No Mundial, Varela começou como titular e jogou os 90 minutos das vitórias por 1 a 0 sobre o Egito e a Arábia Saudita, nas duas primeiras rodadas. Porém, no terceiro jogo, contra a Rússia, o lateral perdeu a posição após o treinador Óscar Tabárez mudar para um sistema com três zagueiros. No mata-mata, mesmo com a volta do 4-4-2, Varela seguiu no banco, preterido pelo veterano Cáceres, até a eliminação do Uruguai diante da eventual campeã França, nas quartas de final.

No fim de 2018, Varela voltou à Europa, passando dois anos no Copenhagen, da Dinamarca, e assinando com o Dínamo Moscou em outubro de 2020. Titular na equipe russa, acabou suspendendo seu contrato após a eclosão do conflito militar com a Ucrânia. Agora, chega ao Flamengo para disputar a posição com Rodinei e Matheuzinho.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade