Por que os adolescentes do TikTok estão vestindo ternos para assistir ao novo “Minions”


“Minions 2: A Origem de Gru” fez sucesso no fim de semana de estreia. O último filme da franquia “Meu Malvado Favorito” de um suposto vilão e seus bizarros capangas amarelos teve a maior estreia de todos os tempos em um feriado de 4 de julho, nos Estados Unidos.

Por todo o seu sucesso em atrair o público de volta aos cinemas, a distribuidora Universal Pictures tem que agradecer, pelo menos parcialmente, os “Gentleminions”.

Gentleminions são jovens que se filmam vestidos com roupas formais, inundando os cinemas ​​para ver o mais novo filme dos “Minions” e gritando para a tela como se estivessem no ringue da “Wrestlemania”.

Os adolescentes do TikTok provavelmente não eram o público que o estúdio Illumination tinha em mente ao criar o mais recente filme de animação infantil, mas eles se tornaram o público em massa graças à tendência viral – a hashtag #Gentleminions tem mais de 22 milhões de visualizações na plataforma.

Os Gentleminions nem sempre são bem-vindos, no entanto. Eles estão aparecendo nos cinemas em todos os lugares, dos EUA à Austrália, e países entre eles, causando caos a ponto de alguns cinemas os proibirem de comprar ingressos para “Minions” se vierem vestidos de terno.

Se você encontrar um Gentleminion em uma exibição de “Minions”, não entre em pânico – eles são tipicamente inofensivos. Veja como surgiu a tendência estranha – e como os adolescentes do TikTok se tornaram os maiores fãs dos Minions.

Como os Minions se tornaram ícones irônicos

Para entender os Gentleminions, é preciso primeiro entender os próprios Minions.

Minions entrou em cena pela primeira vez quando o primeiro “Meu Malvado Favorito” estreou em 2010. Imediatamente, os espectadores foram atraídos pelas criaturas de macacão que serviram o vilão que virou o mole Gru.

Com nomes como Kevin e Bob, uma propensão e uma entrega totalmente única da palavra “banana”, os Minions se tornaram queridos pela audiência através de gerações – incluindo usuários do Facebook de uma certa idade, alguns dos quais começaram a compartilhar memes de Minions que transmitem a exaustão ingrata da paternidade.

E depois há os memes irônicos dos Minion, aqueles compartilhados por jovens irreverentes e adultos cansados.

“Minions 2: A Origem de Gru” tem clássico da Bossa Nova “Desafinado” na trilha sonora. / Universal Pictures / Reprodução

Os Minions, suplicam esses usuários, são engraçados porque não são engraçados, mas são tão sem graça que os mesmos memes se tornaram engraçados novamente. De alguma forma, dentro desse ciclo de seriedade e ironia, os Minions se tornaram o que sempre se esforçaram para ser: lendas da comédia.

Agora, em 2022, as crianças que cresceram com os Minions agora são jovens adultos e muito fluentes na internet. Entram os Gentleminions.

Os Gentleminions usam ternos e causam leves estragos

Para ser um Gentleminion, é preciso chegar ao cinema em traje formal – geralmente terno e gravata. Então, depois de comprar um ingresso para “Minions 2: A Origem de Gru”, deve-se filmar antes, durante e depois do filme para demonstrar sua empolgação.

É preciso torcer, pular de alegria e geralmente interromper a experiência de visualização para habitar o Gentleminion. E então, é claro, é preciso postar sua excursão no TikTok, definindo o clipe para uma música chamada “Rich Minion” do rapper Yeat.

Por que se vestir com elegância  para uma noite no cinema? Bill Hirst, um adolescente australiano cujo vídeo Gentleminions recebeu milhões de visualizações, disse à Variety que era tudo “apenas por diversão” depois que ele e seus amigos viram outro grupo de meninos no TikTok que vestiam ternos para ir ao cinema.

“Nós apenas vestimos nossos ternos e fomos direto para os cinemas”, disse ele. “Foi muito espontâneo”.

Hashtag #Gentleminions viralizou e tem mais de 22 milhões de visualizações / Universal Pictures / Reprodução

Em alguns casos, porém, a folia quase inocente dos Gentleminions azedou. O único cinema em Guernsey, nas Ilhas Britânicas, teve que cancelar as exibições do filme depois que uma tribo de cavalheiros vandalizou o cinema e levou algumas crianças nas exibições a sair em lágrimas, disse seu gerente à BBC.

Alguns cinemas americanos também viram vandalismo: um representante de uma grande cadeia de cinemas que não estava autorizada a falar oficialmente disse ao Los Angeles Times que seus funcionários foram alertados sobre a tendência depois que alguns Gentleminions causaram pequenos danos à propriedade, embora atualmente não tem regras para impedi-los de ver o filme.

Alguns cinemas os excluem, mas os Minions apoiam seus fãs

Os cinemas têm sido os domínios preferidos de muitos adolescentes barulhentos, mas os Gentleminions levaram muitos cinemas ao seu limite. No Reino Unido, vários cinemas proibiram certos jovens de comprar ingressos para o filme como resultado do caos em Guernsey e em outros locais, informou o Guardian.

Um cinema disse que não admitiria “crianças desacompanhadas vestindo ternos” que fossem ver os Minions fazerem travessuras.

Ainda não se sabe se os cinemas americanos tomarão as mesmas medidas para conter o caos. A CNN entrou em contato com as cadeias nacionais AMC, Regal e Cinemark para comentar sobre sua resposta à tendência Gentleminions e está esperando uma resposta.

Enquanto isso, a Universal Pictures abraçou os Gentleminions de todo o coração: em um tweet na semana passada, a empresa escreveu: “para todos que aparecem para @Minions de terno: vemos vocês e amamos vocês”.

Os próprios Minions até enviaram aos Gentleminions uma saudação em vídeo no TikTok, desejando-lhes “Bobspeed”.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Por que os adolescentes do TikTok estão vestindo ternos para assistir ao novo “Minions” no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.