Cruzeiro: Técnico aponta desrespeito do árbitro após derrota para o Vasco


Paulo Pezzolano não poupou críticas a Anderson Daronco depois do jogo no Maracanã

O Cruzeiro perdeu para o Vasco neste domingo (12) por 1×0, no Maracanã. O técnico cruzeirense, Paulo Pezzolano, direcionou ao árbitro Anderson Daronco suas principais críticas. Logo após a partida, o treinador uruguaio chegou a mencionar que sua equipe foi desrespeitada.

Pezzolano revelou inconformidade com o lance em que Jajá saiu machucado, na etapa final. O atacante deixou o gramado chorando com dores no joelho, numa jogada em que o técnico da Raposa questionou a cor do cartão aplicado para o vascaíno Matheus Barbosa, que atingiu o cruzeirense. “Se isso é para amarelo… São muitos detalhes no jogo que não gostei. A história do Cruzeiro merece respeito. Não gostei, o respeito que o Cruzeiro merece não teve dentro do campo, e seja o árbitro que seja. No segundo tempo, não respeitaram para nada“, reclamou, enquanto concedia entrevista coletiva.

Além disso, as queixas a Anderson Daronco continuaram devido ao tempo em que a partida ficou parada no segundo tempo. “Não gostei da arbitragem. Não tenho desculpas, mas um árbitro internacional que fica cercando o jogo. Cada falta, eles ficaram no chão, tudo lento. Se chegou a 15 minutos sem jogar no segundo tempo, entrando o carrinho-maca, jogadores no chão. É brincadeira. Ele não veio fazer um jogo da importância de hoje, um clássico“, disse Pezzolano.

Entretanto, o Cruzeiro, apesar da derrota, manteve a liderança do Brasileirão Série B, com 28 pontos. O próximo jogo é em casa, contra a Ponte Preta, no Mineirão. A partida está marcada para quinta-feira (16), às 16h, válida pela 13ª rodada da competição.

Clique aqui para saber mais sobre o Cruzeiro

Cruzeiro: Técnico aponta desrespeito do árbitro após derrota para o VascoTorcedores – Notícias Esportivas.