Diego Costa, ex-atacante do Atlético-MG, é oferecido a clube argentino, mas alto valor inviabiliza acordo


Após contratar Diego Godín, Vélez Sarsfield sonha contra a contratação do ex-atacante do Atlético-MG Diego Costa

Depois de acertar a contratação do zagueiro Diego Godín, o Vélez Sarsfield segue ativo no mercado da bola em busca de contratar mais uma estrela internacional. Nesse sentido, alguns nomes são oferecidos por empresários, representantes e intermediários.

O Torcedores.com apurou que o atacante Diego Costa, que conquistou o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil de 2021 pelo Atlético-MG, é um dos atletas avaliados pela comissão técnica e, principalmente, por Alexander Medina.

O treinador uruguaio é grande entusiasta da chegada do jogador no Estádio Jose Amalfitani. Afinal, o ex-atacante da seleção espanhola também foi indicado ao Internacional na sua recente passagem pelo futebol brasileiro

Ainda segundo apurou a reportagem, o presidente do Vélez Sarsfield, Sergio Rapisarda, avalia a contratação de Diego Costa. Apesar de gostar da ideia, o dirigente não pretende cometer nenhuma loucura para contratar o hispano-brasileiro.

Na sua passagem pelo Atlético-MG, o camisa 19 ganhava R$ 1,3 milhão por mês, o que custaria US$ 260 mil aos cofres do Vélez Sarsfield. O valor está bem acima do que o clube argentino poderia pagar para tê-lo em seu elenco.

Diego Costa está sem clube desde que saiu do Atlético-MG. A expectativa era que ele se transferisse para o Corinthians. No entanto, o Timão desistiu da contratação por questões econômicas.

Além do Corinthians, o centroavante teve seu nome ligado a uma possível transferência para Botafogo, Cruzeiro, Palmeiras, Santos e São Paulo. No entanto, ele seguiu livre no mercado e não permaneceu no futebol brasileiro.

Apesar da carreira vitoriosa no no futebol europeu, Diego Costa não conseguiu acertar com um cube de ponta da Europa. Desde que retornou para o Velho Continente, ele recebeu e descartou proposta do Torino, da Itália.

Diego Costa teve passagem polêmica pelo Atlético-MG

Contratado em agosto de 2021, Diego Costa chegou ao Atlético-MG com status de grande estrela internacional. Multicampeão por Atlético de Madrid e Chelsea, ele foi contratado para reforçar o time que já contava com os craques Hulk, Nacho Fernández, entre outros.

Com a camisa alvinegra, venceu a Série A do Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil e, depois, foi embora. Na época, ele alegou saudades das filhas para não cumprir seu contrato com o Galo. Internamente há quem dia que ele não tenha se adaptado ao futebol brasileiro.

Com isso, costurou um acordo amigável com a diretoria alvinegra e retornou para a Espanha. Pelo Galo, Diego Costa disputou 19 partidas e marcou cinco gols. Porém, sofreu algumas lesões musculares e não conseguiu ter sequência na Copa Libertadores da América.

Apesar do carinho pelo clube mineiro, ele nunca escondeu de pessoas próximas sua vontade de retornar ao futebol espanhol. Seis meses após voltar a morar em Madrid, ele segue à procura de uma equipe possa fazê-lo ser protagonista novamente.

Antes de atuar pelo Galo, o Diego Costa passou por Atlético de Madrid, Chelsea, Rayo Vallecano, Valladolid, Albacete, Celta de Vigo, Braga e Penafiel. Além disso, foi convocado para defender a Espanha nas Copas do Mundo de 2014 e 2018.

Trajetória de sucesso de Diego Costa na Premier League. Veja o vídeo!

Diego Costa, ex-atacante do Atlético-MG, é oferecido a clube argentino, mas alto valor inviabiliza acordoTorcedores – Notícias Esportivas.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.