Ucrânia elimina Escócia e disputará vaga na Copa contra Gales


A Ucrânia mantém vivo o sonho de classificação para a Copa do Catar. Nesta quarta-feira, 1º, a seleção dirigida por Oleksandr Petralov venceu por 3 a 1 a Escócia em pleno estádio Hampden Park, em Glasgow, em partida válida pela semifinal da repescagem das Eliminatórias europeias para o mundial. Os gols ucranianos foram marcados por Yarmolenko, Yaremchuk e Dovbyk, enquanto McGregor descontou para os escoceses.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

O confronto ficou marcado por diversas manifestações de apoio e solidariedade ao país nas arquibancadas, em luta contra uma invasão russa há 98 dias.

Antes do jogo, torcedores trajando o azul e amarelo da Ucrânia expuseram faixas com os dizeres “We stand with Ukraine” (Estamos com a Ucrânia, na tradução do inglês).

Ucranianos recebem apoio em meio a guerra com russos –Andy Buchanan/AFP

Em campo, o resultado credenciou os ucranianos a enfrentarem o País de Gales valendo uma vaga no Catar. A partida acontece já neste domingo, 5, em Cardiff. O vencedor completará o grupo B da Copa, que também tem Inglaterra, Irã e Estados Unidos.

Sem realizar uma partida oficial desde novembro do ano passado, os ucranianos se prepararam com três amistosos: contra Borussia Mönchengladbach, Empoli e Rijeka.

Mesmo fora de casa, começaram impondo pressão aos escoceses. A primeira boa chance ocorreu aos sete minutos, com o volante Tsygankov. Após boa troca de passes, o meio-campista arriscou de fora da área e obrigou o goleiro Gordon a fazer boa defesa.

Aos 16, Yarmolenko fez Gordon a trabalhar novamente. Aos 19 foi a vez de Yaremchuk receber de Tsygankov e quase marcar. A Escócia respondia em finalizações sem perigo para o gol rival.

O primeiro gol saiu aos 32 minutos. Malinovskyi lançou ainda no campo de defesa para Yarmolenko receber livre e tocar de cobertura para o gol.

Na segunda etapa, uma possível reação escocesa foi esfriada logo aos três minutos. Karavaev cruzou com perfeição para encontrar Yaremchuk, que cabeceou no canto esquerdo para ampliar o placar: 2 a 0.

O time ainda quase marcou novamente aos 12, desta vez em jogada de Yarmolenko para Karavaev, mas foi a Escócia quem balançou as redes. Aos 33, após cruzamento, McGregor aproveitou a sobra que encobriu o goleiro Stepanenko.

Embalados pela torcida, os escoceses buscavam o gol impondo forte pressão, enquanto a Ucrânia buscava um contra-ataque para fechar o placar. Aos 49, Zinchenko roubou a bola e acionou Dovbyk. Livre, o atacante finalizou sem dificuldades diante de Gordon.

Se superarem os galeses, a Ucrânia chegará ao segundo mundial de sua história. Até aqui, a única participação do país ocorreu em 2006, na Alemanha. País de Gales, por sua vez, persegue um feito que não ocorre desde 1958.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.