Protagonista: Vini Jr coroa sua melhor temporada com gol do título do Real


Se o ano do Real Madrid foi tão bem-sucedido, com o título do Campeonato Espanhol de forma antecipada e o 14º triunfo da história do clube na Liga dos Campeões, muito se deve a Vinícius Júnior. Peça-chave da equipe de Carlo Ancelotti, o brasileiro participou do mesmo número de gols que suas três temporadas anteriores somadas e terminou se consagrando ao marcar o gol decisivo na vitória por 1 a 0 sobre o Liverpool, na final disputada neste neste sábado, 28.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Ter Vinícius como protagonista de um Real Madrid multicampeão poderia soar inconcebível há alguns anos, quando o brasileiro tinhas suas atuações contestadas na Espanha, mas o salto no nível do atacante em 2021/22 foi palpável. Antes criticado pela falta de acabamento nas jogadas, ele marcou 22 gols e deu 20 assistências em 52 jogos na temporada.

Para efeito de comparação, as 42 participações diretas em gols na atual campanha representam o mesmo que todas as suas outras três temporadas pelo Real Madrid somadas. Em 2018/19, foram 20 participações diretas (sete gols e 13 assistências); em 2019/20, nove participações (cinco gols e quatro assistências); e em 2020/21, 13 participações (seis gols e sete assistências).

Vinícius Júnior comemora gol do Real Madrid na final da Liga dos Campeões contra o Liverpool –Javier Soriano/AFP
Continua após a publicidade

Agora aos 21 anos, Vini superou a fase conturbada e recuperou a confiança que sempre marcou sua carreira, desde quando ele despontou como o maior fenômeno recentes da base do Flamengo. Muito do crédito é do técnico Carlo Ancelotti, que fez do brasileiro parte integral da equipe e o bancou como titular no início da temporada mesmo com astros como Eden Hazard e Gareth Bale no elenco.

Ao lado do goleiro Thibaut Courtois e do atacante Karim Benzema, grande favorito ao prêmio de melhor jogador do mundo neste ano, Vinícius foi uma das grandes razões pelas quais o Real Madrid conquistou mais um troféu europeu mesmo sem necessariamente jogar melhor que os adversários. O time merengue foi superado na maior parte do tempo por PSG, Chelsea, Manchester City e Liverpool nos duelos de mata-mata da Champions, mas teve a qualidade individual de suas estrelas ao seu lado nos momentos de decisão – sem esquecer contribuições essenciais de outros jogadores, como Luka Modric e Rodrygo.

Consolidado agora como uma das estrelas do futebol mundial, Vini tem como próximo desafio a Copa do Mundo. Após ganhar espaço na equipe de Tite, o atacante chegará ao Catar com muita expectativa sobre seus ombros. Mas se tem algo que ele já mostrou em quatro anos de Real Madrid, é que pressão e desafios não são obstáculos para o talento.

 

Continua após a publicidade


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.