Morte do ator Paulo Gustavo completa um ano nesta quarta (4)


A morte do ator Paulo Gustavo completa um ano nesta quarta-feira (4). O humorista, que tinha 42 anos, foi uma entre as mais de 663 mil pessoas que perderam a batalha contra a Covid-19 no Brasil desde o início da pandemia. Antes de morrer, o artista ficou internado por quase dois meses em um hospital privado no Rio de Janeiro.

Além das diversas homenagens, a morte do ator levou o Congresso a criar –e aprovar– a criação da Lei Paulo Gustavo, que visa fomentar atividades e produtos culturais em razão dos efeitos econômicos e sociais da pandemia de Covid-19. O texto segue para sanção ou veto presidencial.

Carreira

Foi em 2004, aos 26 anos, que o ator começou a ganhar visibilidade ao participar do elenco da peça “Surto”, onde interpretou pela primeira vez a personagem Dona Hermínia.

O espetáculo “Minha Mãe É Uma Peça”, foi um sucesso no teatro e ganhou uma adaptação cinematográfica em 2013.

A peça, protagonizada por Dona Hermínia, mãe exagerada de dois filhos, é uma criação de Gustavo inspirada em sua própria mãe, Déa Lúcia.

Paulo Gustavo com a mãe, Déa Lúcia
Paulo Gustavo com a mãe, Déa Lúcia / Foto: Reprodução / Instagram

Família, amigos e fãs

Paulo Gustavo era casado desde 2015 com o médico Thales Bretas, com quem teve dois filhos, Romeu e Gael. No fim de 2021, Bretas jogou as cinzas do ator em Little Island, no Rio Hudson, Nova York.

Na época, o viúvo do humorista comentou o momento. “Tão bom te ter por perto, mesmo que distante. Te sentir em cada lugar, em cada amigo, em cada amor espalhado pelo mundo! Hoje o mundo completa sete meses sem a sua presença física, mas você nunca estará ausente. Nunca mais. E agora, para sempre também em NY. Foi muito lindo… o dia ficou mais colorido quando te recebeu”, escreveu, em dezembro do ano passado.

Paulo Gustavo ao lado do marido, Thales Bretas
Paulo Gustavo ao lado do marido, Thales Bretas / Reprodução/Instagram

Neste ano, para comemoração ao Dia das Mães, a família do humorista Paulo Gustavo doou um figurino da personagem Dona Hermínia para uma organização sem fins lucrativos que fará um sorteio das peças. Os itens doados foram uma blusa, uma saia, um cinto e um par de sapatos.

Pouco tempo após a morte, o humorista Leandro Hassum, que era amigo de Paulo, disse que “ele nos colocou num lugar de glamour, de importância. Ele era um popstar. A gente perde o Michael Jackson da comédia brasileira”.

Enredo de escola de samba

Neste ano, Paulo Gustavo continuou recebendo homenagens. Na volta dos desfiles do Carnaval na Marquês de Sapucaí, no Rio de Janeiro, a escola de samba São Clemente homenageou o humorista.

A passagem da agremiação pelo sambódromo foi marcada pela irreverência. A escola mostrou na avenida uma chegada nada convencional do humorista ao céu, com drag queens vestidas de anjos.

Artistas, colegas e familiares de Paulo Gustavo participaram do desfile, incluindo a mãe do artista e o viúvo.

Desfile da Escola de Samba São Clemente pelo grupo especial do Carnaval do Rio de Janeiro, RJ, no sambódromo da Sapucaí. A escola homenageou o ator Paulo Gustavo / DHAVID NORMANDO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Thales Bretas comentou a homenagem em seu Instagram, dizendo que esse foi “um casamento que marcou pra sempre a minha vida, e a história da aceitação no Brasil com uma arte delicada, bem humorada, inteligente, que desarmou as mentes mais fechadas e entrou pra casa e pro coração de muitos milhões de brasileiros!”

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Thales Bretas (@thalesbretas)

Placas nas ruas de Niterói

O ator também ganhou homenagens da Prefeitura de Niterói (RJ), que instalou, em maio de 2021, 46 placas da Rua Ator Paulo Gustavo, no bairro de Icaraí.

A rua, uma das mais importantes vias da zona sul da cidade, se chamava Coronel Moreira César e, agora, passa a homenagear o artista niteroiense.

A mudança no nome foi aprovada por 90% dos moradores da cidade em consulta pública com mais de 34 mil participantes.

Prefeitura de Niterói instala placas de rua em homenagem ao ator Paulo Gustavo
Prefeitura de Niterói instala placas de rua em homenagem ao ator Paulo Gustavo / Foto: Prefeitura de Niterói

Projeto de Lei

Paulo Gustavo também impulsionou a criação de um Projeto de Lei (PL) que recebeu o nome do ator e trata sobre a destinação de verbas para o setor cultural.

O Senado Federal aprovou por unanimidade, o PL 73/2021, conhecido como Lei Paulo Gustavo, que destina R$ 3,86 bilhões do superávit financeiro do Fundo Nacional de Cultura (FNC) a estados e municípios para fomento de atividades e produtos culturais em razão dos efeitos econômicos e sociais da pandemia de Covid-19.

O projeto segue para sanção ou veto da Presidência da República.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Morte do ator Paulo Gustavo completa um ano nesta quarta (4) no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.