Usuários relatam lentidão no WhatsApp Web após atualização


Desde janeiro de 2022, o WhatsApp faz atualizações na versão web do aplicativo. No começo de abril, usuários passaram a reclamar de lentidão no carregamento das mensagens, seja ao abrir a ferramenta ou durante o uso.

A demora acontece no momento em que o aplicativo do celular envia dados ao WhatsApp Web ou ao Desktop, justamente para que seja possível acessar, pelo computador, as conversas feitas por meio do smartphone.

Procurado pela CNN, o WhatsApp não deu detalhes sobre o que tem causado a lentidão. Disse apenas que “o WhatsApp está ciente de que pessoas estão enfrentando atrasos ao carregar suas mensagens com segurança no WhatsApp Web e no Desktop e já está trabalhando em melhorias para que a experiência volte ao normal em todos os dispositivos vinculados”, afirmam.

O WhatsApp informou também que “o feedback dos usuários mostrou que ainda há um caminho a ser percorrido”.

Usuários reclamam de lentidão ao abrir WhatsApp Web / Reprodução

Repercussão nas redes sociais

Diante das falhas, usuários utilizaram o Twitter para reclamar da rede social de Mark Zuckerberg, dono da Meta, que é responsável pelo WhatsApp.

Outras mudanças

A última atualização do WhatsApp permite que até quatro aparelhos estejam conectados ao mesmo tempo, sem precisar manter seu celular online — o que atualmente não é permitido, já que o celular precisa estar logado.

“Cada aparelho se conectará ao WhatsApp de maneira independente, mantendo o mesmo nível de privacidade e segurança que a criptografia de ponta a ponta oferece às pessoas que usam o WhatsApp”, diz a empresa.

O WhatsApp também reconhece que alguns recursos não estão disponíveis para todos os usuários, incluindo: pré-visualização de links no WhatsApp Web, visualização da localização em tempo real, sincronização de conversas apagadas entre todos os aparelhos conectados, listas de transmissão, envio e recebimento de mensagens para seu próprio número e sincronização de pacotes de figurinhas do celular para os aparelhos conectados.

Segundo a rede social, as equipes estão trabalhando para disponibilizar esses recursos o mais rápido possível.

O que está por vir

Em meados de abril, o WhatsApp anunciou que está trabalhando em uma ferramenta para “pequenas comunidades”, com o objetivo de unir e organizar pessoas em torno de um lugar ou interesse comum.

A grande diferença dos grupos já existentes é que as comunidades unirão vários desses grupos num mesmo espaço.

A plataforma continua privada. Por esse motivo, diferentemente das mídias sociais e outros serviços de mensagens, no WhatsApp não será possível procurar ou descobrir novas comunidades.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Usuários relatam lentidão no WhatsApp Web após atualização no site CNN Brasil.