Violino com 3 séculos pode ser leiloado por R$ 52 milhões na França


Um instrumento com quase três séculos, elogiado como um Leonardo da Vinci dos violinos, pode chegar a 10 milhões de euros (ou cerca de R$ 52 milhões) quando for leiloado no próximo mês, revelou a casa francesa que supervisiona a venda.

Criado em 1736 pelo reverenciado luthier italiano Giuseppe Guarneri, a peça é de propriedade do famoso violinista Regis Pasquier, e seu som encantou salas de concerto em todo o mundo.

“Há muitos violinos, mas este é como vender um Rembrandt, um Goya ou mesmo uma pintura de Leonardo da Vinci”, disse Sophie Perrine, da casa de leilões Aguttes, perto de Paris.

O instrumento é um dos cerca de 150 feitos por Guarneri, cuja qualidade e longevidade rivaliza com Antonio Stradivari, mas que foi muito menos prolífico do que seu compatriota e contemporâneo.

Feita no auge da carreira de Guarneri, a peça foi comprada há mais de 20 anos por Pasquier, que fez uma apresentação com ela no dia seguinte sem sequer ensaiar, disse Perrine. “Para ele, este instrumento era perfeito.”

Desde então, o instrumento tocou em locais de prestígio, incluindo o Carnegie Hall em Nova York e a Ópera Garnier em Paris.

O violino será leiloado no dia 3 de junho, após três dias de exibição. Sua estimativa de preço-base é de 4 a 4,5 milhões de euros, mas Perrine disse que pode ser vendido por até 10 milhões.

“É algo muito antigo, mas ainda muito atual e vivo”, afirmou ela. “E continuará permitindo que as pessoas ouçam seu som excepcional nos próximos anos.”

Este conteúdo foi originalmente publicado em Violino com 3 séculos pode ser leiloado por R$ 52 milhões na França no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.