Domínio “.br” completa 33 anos nesta segunda-feira


Nesta segunda-feira (18) a Internet brasileira comemora o aniversário do domínio “.br”, que nasceu em 18 de abril de 1989. Operado pelo Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), o “.br” se consolidou como um dos maiores ccTLD (country-code Top Level Domain) do mundo.

São quase 5 milhões de nomes registrados nas mais diversas áreas e variedades de sites. É importante ressaltar que o ccTLD é um domínio de nível superior, reservado para ser usado apenas por países.

O domínio brasileiro é um dos maiores do mundo e está à frente de nomes importantes como União Europeia, França e Itália. Hoje, dezenas de subdomínios apareceram e expandiram ainda mais a força do “.br”.

História

No dia 18 de abril de 1989, o cientista Jon Postel foi o responsável pela atribuição e delegação do “.br” para operar as redes acadêmicas da Fapesp. Isso quer dizer que, antes mesmo de a internet estar estabelecida no país, o domínio já existia.

Dois anos depois, em 1991, foram apresentados subdomínios “gov.br” (Governo), “com.br” (empresas), e “org.br” (organizações).

Já em 1995, uma iniciativa do Ministério de Ciência e Tecnologia e do Ministério das Comunicações criou o Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), para coordenar e integrar as iniciativas relacionadas à rede no Brasil.

Aos poucos, a internet mostrava a todo mundo o seu potencial, com o início da fase comercial dela. Com a automatização do processo do registro, o número de domínio passou a subir freneticamente, atingindo a marca de 1 milhão de domínios em 2006.

Segundo a NIC.br, desde de 2007, o NIC.br abriga o primeiro escritório do hemisfério sul do World Wide Web Consortium (W3C), que promove ações para o desenvolvimento e fortalecimento dos padrões Web.

O Centro de Estudos sobre Tecnologias Web (Ceweb.br), criado em 2015, tem ações voltadas à promoção da Web, de sua acessibilidade e de dados abertos no Brasil.

Nesse cenário, já existem categorias de interesses específicos: “ong.br“, “art.br“, “eco.br“, “bio.br“, “adm.br“, “mus.br“, “med.br“, “eng.br“, para profissionais liberais; cidades (“rio.br“, “manaus.br“, “cuiaba.br“, “floripa.br“, “foz.br“).

A tendência é de mais crescimento do domínio e do surgimento de novas categorias. Enquanto isso, vamos comemorar e dar parabéns e nosso brasileiro de sucesso no mundo.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Domínio “.br” completa 33 anos nesta segunda-feira no site CNN Brasil.