PSB deve indicar Alckmin como vice na chapa de Lula nesta sexta-feira


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSB) deverão selar nesta sexta-feira (8), em uma reunião com a cúpula dos dois partidos em São Paulo, a chapa presidencial para disputar as eleições de 2022. O encontro está marcado para 10h, em um hotel na zona sul da capital paulista.

Na quinta (7), em entrevista à rádio Jangadeiro BandNews de Fortaleza, no Ceará, Lula confirmou que o encontro tem a finalidade de ajustar detalhes da chapa. “Amanhã é a reunião para o PSB propor ao PT o Alckmin como vice. Obviamente que, ao receber essa proposta, o PT vai convocar uma reunião do seu diretório nacional e vai fazer essa discussão. Eu penso que logo, logo estará definido”, disse Lula.

Segundo o ex-presidente, Alckmin “será um gesto e uma contribuição de uma parcela da sociedade que não é petista, e de uma parcela da sociedade que não votaria em mim, para que a gente possa ganhar as eleições e montar a estrutura para que a gente possa recuperar o nosso Brasil”, afirmou.

Lula ainda afirmou que definirá a chapa nas próximas semanas. “Vou definir minha candidatura neste mês de abril, vou lançar a candidatura, vou fazer aliança com outros partidos políticos e vou viajar pelo Brasil”, afirmou.

Caravana pelo Brasil

De acordo com informações do analista da CNN Kenzô Machida, a reunião, além de definir uma data de apresentação dos dois como pré-candidatos, servirá para debater uma possível caravana pelo Brasil. A ideia é que Lula siga por um caminho e Alckmin por outro. Uma ala do PSB defende que o ex-presidente visite as regiões Norte e Nordeste do Brasil e o ex-governador passaria pelo Centro-Oeste, Sul e Sudeste do país.

O encontro deverá ser restrito, com participação apenas de uma cúpula fechada do PT e do PSB. É esperado um número pequeno de participantes, de oito a dez pessoas, no máximo.

Além de Lula e Alckmin, devem estar presentes o presidente do PSB, Carlos Siqueira, a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, o ex-governador de São Paulo Marcio França (PSB), o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) e o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), que foi convidado para ser coordenador-geral da campanha de Lula.

Durante esse encontro, deve ser marcada uma data para a apresentação de Lula e Alckmin como pré-candidatos. A princípio essa apresentação estava marcada para o dia 18 de maio, mas a data será debatida na reunião.

Eleições 2022

A CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por nossas plataformas digitais.

(Publicado por Marcelo Tuvuca)

Este conteúdo foi originalmente publicado em PSB deve indicar Alckmin como vice na chapa de Lula nesta sexta-feira no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.