Leite fala em “convergência” com MDB, mas diz que respeita prévias do PSDB


O ex-governador do Rio Grande do Sul Eduardo Leite (PSDB) declarou, nesta quarta-feira (6), que se reuniu com a pré-candidata à Presidência da República Simone Tebet (MDB) para construir uma convergência entre as legendas da terceira via.

Leite reiterou que respeita as prévias de seu partido, que definiram o ex-governador de São Paulo João Doria como pré-candidato ao Palácio do Planalto.

“Pela responsabilidade que temos, nas posições que alcançamos dentro dos partidos e diante da população, temos a humildade, a sensibilidade, de sentarmos e conversarmos para construir convergência juntos nos nossos partidos”, afirmou Leite.

“O meu partido fez prévias, tem o seu pré-candidato estabelecido. Nós respeitamos isso. Ninguém está deslegitimando às prévias. Elas têm sua legitimidade. Mas não se trata aqui apenas sobre atender formalidades, mas sim de ajudar o país a encontrar um caminho. Isso é o que nos move e promove convergência”, continuou o ex-governador que já admitiu a possibilidade de ser candidato a vice, citando Tebet como uma das lideranças para o projeto.

Segundo a senadora pelo Mato Grosso do Sul, hoje o país tem dois projetos do passado, se referindo ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e do presente com o presidente Jair Bolsonaro (PL), “que se retroalimentam numa política odiosa, ideológica que é um verdadeiro atraso pro país.”

“Nós estamos diante de ameaças concretas às instituições democráticas, nós estamos diante de uma ameaça concreta a harmonia dos poderes. E o centro democrático, do qual nós participamos e através do qual e pelo qual nós lutamos tanto, neste momento exige de todos nós união e convergência”, alegou Tebet.

Em nota, a senadora do MDB afirma que Leite “se colocou como um soldado do centro democrático”. Para ela, “é hora de somar, unir e convergir”.

Os partidos União Brasil, MDB, PSDB e Cidadania concordaram em anunciar no dia 18 de maio um único “candidato de consenso”.

“No próximo dia 14/04, quinta-feira, o União Brasil confirmará o nome do Partido para apreciação desse conjunto de forças políticas. O candidato(a) de consenso será anunciado(a) no dia 18/05, quarta-feira em Brasília”, informaram em nota conjunta as siglas.

CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por nossas plataformas digitais.

Veja os possíveis candidatos à Presidência da República em 2022

 

 

 

 

Este conteúdo foi originalmente publicado em Leite fala em “convergência” com MDB, mas diz que respeita prévias do PSDB no site CNN Brasil.