Deu ruim! Calleri será julgado pelo TJD de São Paulo por derrubar celular de garoto palmeirense


Atacante do São Paulo é denunciado com base no artigo 258 do CBJD e pode ser suspenso por seis jogos

O argentino Jonathan Calleri, atacante do São Paulo, tem denúncia protocolada pela Procuradoria do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJD). Portanto, o atleta pode pegar até seis jogos de punição por dar tapa no celular de um garoto palmeirense na saída do Allianz Parque.

Isto porque o atleta foi enquadrado com base no artigo 258 do TJD, que diz: “assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética esportiva”. Conquanto, se ele for suspenso por seis jogos, como prevê o artigo, serão cumpridos no Campeonato Paulista do próximo ano.

Entenda o caso

Após a goleada sofrida para o Palmeiras, no último domingo, por 4 a 0, Calleri perdeu a cabeça na saída do estádio. Portanto, acabou surpreendendo um garoto palmeirense, ao dar um tapa em seu celular e derrubá-lo no chão.

Conquanto, a ação foi filmada e, rapidamente, as imagens se espalharam nas redes sociais na noite de domingo, recebendo muitas críticas e reações. Contudo, o atleta se desculpou após a repercussão negativa; mas de nada adiantou; pois, o erro já havia sido cometido. O menino vestia uma camisa do Palmeiras, e a ação de Calleri foi de propósito.

O garoto pertence às divisões de base do Palmeiras, equipe campeã do Paulistão na partida em que gerou o imbróglio.

Desculpas de Calleri

O pedido de desculpas do atacante do São Paulo foi compartilhado nas redes sociais no dia seguinte do ocorrido. Além de se desculpar com o menino devido à atitude infeliz, Calleri propôs ao garoto “reparar o dano causado ao aparelho.

No entanto, na manhã desta terça-feira (05), o garoto recebeu um celular novo da presidente do Palmeiras, Leila Pereira.

Confira o pedido de desculpas de Jonathan Calleri:

“Sobre o que aconteceu na saída do estádio, ontem, gostaria de enviar meu sincero pedido de desculpas ao garoto. Foi um momento em que eu estava de cabeça muito quente e que não deveria ter acontecido. Me coloco à disposição para reparar o dano causado ao aparelho celular”, publicou o atacante do São Paulo.

Deu ruim! Calleri será julgado pelo TJD de São Paulo por derrubar celular de garoto palmeirenseTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.