Quem é Hämäläinen, o finlandês que John Textor quer levar para o Botafogo


Lateral nascido nos EUA é alvo dono da SAF do Glorioso para reforçar o time e ser o jogador ‘de peso’ de nova fase do clube

John Textor está decidido a trazer um reforço internacional de ‘peso’ para mostrar a força do Botafogo no mercado e dos investimentos feitos pelo acionista majoritário do futebol do clube. O nome da vez é o do lateral finlandê Niko Hämäläinen, que defende o Queens Park Rangers (ING).

O atleta de 25 anos tem aparecido nas especulações recentes como nome de possível reforço do Glorioso para a diputa do Campeonato Brasileiro. Nascido nos Estados Unidos e e pai finlandês, Hämäläinen depertou o interesse do dono da SAF botafoguense, que já está conversando para acertar a ida do jogador para General Severiano.

https://rule34.xxx/index.php?page=post&s=view&id=5657671

Mas quem é o jogador e o porquê de tanta repercussão dentre a torcida sobre sua vinda para o time carioca? Algumas pistas podem se dar no desempenho do lateral nos clubes onde passou e também na seleção finlandesa.

A carreira

Nascido em West Palm Beach, na Flórida, Hämäläinen surgiu na base do FC Dallas, sendo contratado pelo QPR para seu time sub-18 em 2014. Desde então, se manteria ligado a este time, sendo emprestado a diversos outros clubes como o Los Angeles FC, Kilmarnock e o Los Angeles Galaxy.

Foi pelo Galaxy, pelo qual jogou entre agosto e dezembro de 2021, que o possível futuro reforço do Botafogo talvez tenha vivido sua melhor fase recente. Foram 14 partidas (12 como titular) pelo time californiano, conquistando espaço com lesões e sendo opção para a equipe.

No Kilmarnock, o lateral finlandês também teve boa atuação na passagem deste por lá, entre 2019 e 2020, tendo feito uma assistência em 31 partidas pelo time escocês. Mas não conseguindo se firmar de forma definitiva no QPR, clube ao qual mantém direitos econômicos.

Como joga?

“Ele é rápido e gosta de ir ao ataque. Mas como todo lateral que sobe ao ataque, ele às vezes pode ser pego fora de posição. Talvez esse seja o seu maior problema. No fim da temporada passada, ele foi titular com mais frequência no Galaxy. Ganhou a confiança do técnico e o time estava em apuros por causa de lesões. Mas ele não teria jogado tanto como jogou se todos os outros laterais estivessem saudáveis. Acho que ele seria mais uma ‘opção de segurança’”. disse ao GE Kevin Baxter, repórter do Los Angeles Times.

Na seleção da Finlândia, Hämäläinen não tem conseguido jogar como titular, apesar de ter atuado na partida contra a França pelas Eliminatórias e ter constado do elenco que jogou a Euro. Ainda assim, deverá ser o nome ao qual John Textor e o Botafogo desejam para reforçar o time nesta temporada.

“Niko é bom ofensivamente, é um cara rápido e que é bom em situações mano a mano. Normalmente é convocado, mas raramente joga. Ele gosta de desafiar os oponentes, tem qualidade nos cruzamentos e nos passes. Mas acho que há um problema na consistência e isso o prejudicou no QPR. Fisicamente, ele poderia ser um pouco mais forte. Os aspectos defensivos não são tão bons como os ofensivos”, afirmou Jonas von Wendt, jornalista de uma publicação finlandesa, a Hufvudstadbladet.

Quem é Hämäläinen, o finlandês que John Textor quer levar para o BotafogoTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.