Conmebol volta atrás e confirma realização de Sporting Cristal x Flamengo


A fase de grupos da Libertadores 2022 nem sequer começou, mas já registrou uma enorme trapalhada. Horas depois de o governo peruano e a Conmebol anunciarem que Sporting Cristal x Flamengo estava adiado em razão do toque de recolher imposto pelo presidente do país, Pedro Castillo, como forma de conter protestos contra o aumento do preço de combustíveis e fertilizantes, a entidade sul-americana voltou atrás. O jogo vai acontecer, mas um pouco mais tarde que o previsto, a partir das 22h (de Brasília).

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Mais cedo, o ministro da Justiça do Peru, Félix Chero, havia afirmado em entrevista à rádio local Exitosa que a partida seria adiada. A Conmebol havia mantido a partida para às 21h30 (horário de Brasília), mas cerca de três horas antes da partida o governo decretou o adiamento por meio de nota oficial. A Conmebol, então, seguiu a ordem e confirmou o adiamento do jogo.

Na tarde desta terça, a federação sul-americana publicou em seu Twitter uma prévia do jogo normalmente, sem fazer referência aos protestos no Peru ou ao toque de recolher imposto pelo governo. Houve uma reunião entre as autoridades peruanas e a Conmebol para que a partida fosse mantida. Não havia informações sobre a presença de torcida ou não no estádio.

No entanto, minutos depois, e a menos de duas horas para o início da partida, marcada para 21h30, o governo anunciou o fim do toque de recolher e a Conmebol disse que a partida estava mantida. Não haverá presença de público no Estádio Nacional.

Continua após a publicidade

Mais cedo, o ministro Chero havia afirmado que o jogo não aconteceria. “Terá que ser remarcado. Não esqueçamos que durante medidas excepcionais há ações extraordinárias que devemos adotar. Uma partida de futebol não pode se sobrepor à tranquilidade do país”, disse ele.

A delegação do Flamengo está em Lima desde a última segunda-feira, 4, e inclusive treinou na capital peruana em preparação para a partida contra o Sporting Cristal.

O toque de recolher foi anunciado por Castillo em uma transmissão ao país por volta da meia-noite (horário local) desta terça. Com a medida, os cidadãos não podiam sair de casa ao longo de todo o dia, com exceção de pessoas que prestam serviços essenciais, como nas áreas de saúde, saneamento, comunicações e energia, entre outros.

O presidente decretou o estado de emergência após os protestos, liderados por transportadores e agricultores, crescerem de forma intensa nos últimos dias. Além de Lima, a cidade de Callao, na área metropolitana da capital, também estava sob toque de recolher.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.