Fluminense conquista Campeonato Carioca e evita tetra do Flamengo


Fluminense não permitiu que o Flamengo conquistasse o tetracampeonato estadual inédito e levantou o título do Campeonato Carioca 2022 no Maracanã

CAMPEONATO CARIOCA 2022 – FINAL (VOLTA)
Fluminense FLUMINENSE 1-1
(3-1)
FLAMENGO Flamengo

Em duelo muito tenso no Maracanã, o Fluminense consagrou-se campeão carioca neste sábado (2) diante do Flamengo com empate por 1 a 1 e vitória no placar agregado por 3 a 1.

Tudo indicava que mudanças seriam feitas no rubro-negro em relação ao primeiro jogo e o técnico Paulo Sousa confirmou com Willian Arão e Everton Ribeiro sendo deslocados ao banco de reservas. Andreas Pereira e Lázaro ganharam suas chances.

Também como esperado, o Flamengo teve a chance de permanecer mais com a posse de bola no primeiro tempo, mas acabou repetindo erros de transição defensiva, organização tática no meio-campo e produção ofensiva.

Logo no início o tricolor carioca levou perigo e teve chances claras nos primeiros dez minutos. Aos 5′, Ganso levantou na área e Manoel testou firme para fora. Na sequência, Cano recebeu na meia-lua e parou no carrinho de Gustavo Henrique no momento da finalização.

A melhor chance inicial foi do rubro-negro com Bruno Henrique deixando Arrascaeta no 1v1 contra o goleiro Manoel aos 14′, mas acabou errando o alvo e desperdiçou a oportunidade. Só que na sequência, o Flamengo demonstrou apenas nervosismo e falta de lances perigosos no terço final do campo. Gabigol voltou a levar cartão amarelo por reclamações.

Porém, apesar dos problemas relatados acima, o Flamengo ainda conseguiu abrir o placar diante do Fluminense na individualidade. Hugo lançou Bruno Henrique e Nino ficou para trás. A bola sobrou para Arrascaeta que girou em cima de Manoel e avançou pela esquerda. No cruzamento, Gabigol bateu e venceu o goleiro Fábio.

Na tentativa de resposta imediata, o Fluminense resolveu se lançar ao ataque e surpreendeu. Aos 35′, David Braz arriscou de longe e Hugo foi surpreendido mas a bola foi para fora.

Antes do intervalo, Arrascaeta aproveitou sobra na entrada da área pela direita e bateu colocado em uma bola que passou ao lado da trave direita. Contudo, o tricolor carioca conseguiu o gol de empate em grande lance coletivo.

Arias tabelou com Ganso pelo lado esquerdo e cruzou para trás onde Cano chegou batendo. A bola desviou em Filipe Luís e tirou qualquer chance de defesa do goleiro Hugo.

Fluminense segurou a vantagem no segundo tempo e superou o Flamengo

Como esperado, o segundo tempo foi ainda mais movimentado. Logo aos 2′, David Luiz dominou errado e derrubou Yago na entrada da área. Houve pedido de segundo cartão amarelo para o zagueiro rubro-negro mas o jogo seguiu sem a expulsão. Ganso cobrou e a bola passou perto pela esquerda.

Aos 6′, foi a vez do Flamengo reclamar com a arbitragem depois que Bruno Henrique e Nino dividiram pelo alto, mas o árbitro também seguiu o jogo. Na sequência, o Fluminense chegou com perigo com Cano recebendo lançamento de Ganso, chutando por cima do gol.

Paulo Sousa optou por Everton Ribeiro no lugar de Andreas, mas quem se destacou logo na sequência foi Lázaro no drible em cima de André, Manoel e Yago em direção à área, mas acabou caindo na sequência do lance. Arrascaeta chutou para fora na sobra.

Depois, foi a vez de João Gomes ter uma boa oportunidade ao cabecear na primeira trave após Arrascaeta cobrar escanteio. Só que o lance de maior destaque foi aos 14 minutos.

Yago lançou Cano na meia-lua pela direita e a bola acabou resvalando no braço de Filipe Luís. O VAR chamou e o árbitro marcou pênalti. Quando tudo indicava que o Fluminense encaminharia o título, Germán Cano parou na defesa com os pés do goleiro Hugo. E na saída em velocidade, Everton Ribeiro recebeu na intermediária e arriscou, com a bola passando ao lado da trave.

Depois, foi a vez de Matheuzinho e Pedro serem acionados nos lugares de Rodinei e Lázaro. E aos 21′, Arrascaeta teve uma chance de ouro ao receber no flanco esquerdo em velocidade, mas acabou sendo travado por David Braz no momento exato da finalização.

Abel Braga estava percebendo um Flamengo cada vez mais presente no campo ofensivo e acabou fechando mais a equipe com David Duarte e Martinelli sendo acionados nos luares de Calegari e Ganso.

O ímpeto ofensivo do rubro-negro acabou sendo afetado e uma nova finalização de perigo veio apenas aos 33′ depois que Everton Ribeiro deixou Martinelli para trás e chutou firme, mas a bola acabou acertando Manoel.

Na reta final, foi  a vez de Fred e Nonato entrarem pelo tricolor carioca nos lugares de Yago Felipe e Germán Cano, alterações já esperadas. Os minutos finais ficaram marcados por um tricolor carioca recuado no campo defensivo e o Flamengo tentando pressionar de todas as formas possíveis.

Nos acréscimos, uma confusão tomou conta do Maracanã com Fred e Bruno Henrique sendo expulsos, o que acabou diminuindo ainda mais o ímpeto ofensivo do rubro-negro que não reagiu e viu o Flu levantar a taça de campeão

 

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1- 1 FLAMENGO

Data: 02/04/2022, 18:00
Estádio: Maracanã
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo
Assistentes: Daniel do Espírito Santo Parro e Carlos Henrique Alves de Lima Filho
VAR: Carlos Eduardo Nunes Braga

Gols: 1T 28′ Gabigol (FLA); 1T 43′ Cano (FLU)

Fluminense: Fábio; Nino, Manoel e David Braz; Calegari (David Duarte), André, Yago Felipe (Nonato) e Cris Silva; Ganso (Martinelli); Jhon Arias (Luiz Henrique) e Germán Cano (Fred).

Flamengo: Hugo Souza; Gustavo Henrique (Willian Arão), David Luiz e Filipe Luís; Rodinei (Matheuzinho), João Gomes, Andreas Pereira (Everton Ribeiro) e Lázaro (Pedro); Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol.

Fluminense conquista Campeonato Carioca e evita tetra do FlamengoTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.