Calleri e Cano, os argentinos que agitaram as finais dos estaduais


Os primeiros jogos da final do Campeonato Paulista e do Carioca foram marcados por um aspecto, ou melhor, pelo espanhol de argentinos em comum: Jonathan Calleri e Germán Cano balançaram as redes, cada qual duas vezes, e foram fundamentais para as vitórias de São Paulo e Fluminense, respectivamente. Com trajetórias distintas, os dois hermanos são, mais uma vez, as armas dos seus times neste fim de semana no jogo decisivo dos estaduais.

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

Emprestado pelo Maldonado, do Uruguai, até o fim do ano, Calleri é o artilheiro do São Paulo nesta temporada com oito gols em 14 jogos, sendo os dois últimos na vitória sobre o Palmeiras na quarta-feira, 30.

Aos 28 anos, o atacante faz sua segunda passagem pela equipe paulista, após cinco anos, repetindo os mesmos bons números. Em 2016, se destacou ao fazer 16 gols em 31 jogos quando também veio emprestado, à época, pelo Boca Juniors.

Nesse hiato, Calleri atuou no West Ham, da Inglaterra, e nos espanhóis Las Palmas, Espanyol, Osauna e Alavés. Sem emplacar, não conseguiu repetir os mesmos números e foi emprestado em diferentes temporadas. Ao todo, teve uma média de 0,21 gols – foram 157 jogos e 33 gols em sua passagem no Velho Continente.

Continua após a publicidade

Calleri atuou por quatro temporadas no futebol espanhol –@jocalleri/Twitter

Já no Rio de Janeiro, o atacante Germán Cano, de 34 anos, também é o artilheiro do tricolor carioca na temporada. Ele que veio do Vasco, sem custos, já marcou nove gols da equipe em 15 jogos. Seguido dos gols, tem sido recorrente a comemoração em “L”, uma homenagem do jogador ao seu filho que se chama Lorenzo.

Germán Cano comemora com ‘L’ em homenagem ao filho –Mailson Santana/FFC/Divulgação

Mas antes de se destacar no futebol carioca pelo Vasco e pelo Tricolor das Laranjeiras, Cano rodou por diversos clubes da América do Norte e do Sul. Revelado pelo Lanús, da Argentina, ele tem passagens pelos colombianos Deportivo Pereira e Independiente de Medelín – onde foi campeão nacional em 2019 e eleito seis vezes o artilheiro do campeonato nacional. Cano é ainda um dos maiores goleadores do clube, com mais de 129 gols. Antes de aterrissar no Rio, esteve no futebol mexicano pelo Pachuca e León.

Cano foi seis vezes artilheiro do campeonato colombiano –@germancano/Instagram

Neste sábado, 2, o Fluminense de Cano entra em campo às 18h (de Brasília), no Maracanã, diante do atual campeão Flamengo, pelo segundo jogo da final do Campeonato Carioca. Já neste domingo, 3, será a vez do São Paulo de Calleri medir forças contra o Palmeiras, às 16h (de Brasília), no Allianz Parque, para definir o campeão do Paulista.

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.