Rivaldo analisa grupo do Brasil: ‘Suíça é a mais perigosa’


Protagonista na conquista do pentacampeonato com a seleção brasileira na Copa do Mundo de 2002, na Coreia do Sul e no Japão, o ex-meia Rivaldo apontou a Suíça como principal adversário do país no mundial do Catar, que acontecerá entre 21 de novembro e 18 de dezembro no Catar. A equipe treinada pelo técnico Tite ficou no grupo G, ao lado de Sérvia, Suíça e Camarões (veja aqui o raio-x completo de cada um dos adversários).

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

“Diria que a Suíça é o adversário do grupo mais perigoso. Venceu da Espanha no Mundial de 2010, ano em que a própria Espanha foi campeã. Na Euro, teve um jogo duro com a França e se classificou nas oitavas. No entanto, pela qualidade do Brasil, acredito que temos plenas chances de terminar em primeiro lugar sem dificuldades”, disse com exclusividade para PLACAR em parceria com o site de apostas Betfair.

Tanto Suíça, quanto Sérvia conseguiram classificações diretas nas Eliminatórias europeias e, consequentemente, empurraram Itália e Portugal para a repescagem.

Os sérvios se classificaram de forma invicta, com seis vitórias e dois empates, um aproveitamento de 83,3% dos pontos disputados, enquanto os suíços com cinco vitórias e três empates, também invictos, mas com média inferior de pontos: 75%.

Na Eurocopa, mencionada por Rivaldo, a equipe se classificou como uma das terceiras melhores colocadas em grupo com Itália, País de Gales e Turquia. Nas oitavas de final, surpreendeu ao eliminar nos pênaltis a França, após empate por 3 a 3 nos 120 minutos, e foi eliminada pela Espanha também na disputa por pênaltis.

Rivaldo diante da Turquia na Copa de 2002 –Tony Marshall/Getty Images

Copa do Mundo é sempre muito difícil. O que o Brasil mostrou nas Eliminatórias e o trabalho que vem fazendo, eu diria que o grupo é teoricamente fácil, mas futebol tem que ser jogado, sempre muita coisa pode acontecer. A Suíça sempre joga bem, Camarões também sempre é um adversário duro”, ponderou o ex-jogador de Barcelona, Milan, Palmeiras, Corinthians, que ainda avaliou que não há nenhuma favorita para o título.

“Difícil dizer qual seleção devemos ficar de olho. Eu, quando joguei Copa do Mundo, não me preocupava com outras seleções. Se queremos ser campeões novamente, não podemos nos preocupar com nenhuma, o time que vier devemos encarar e dar o melhor pela vitória. Temos cinco títulos, o Brasil é uma seleção de tradição, não podemos escolher adversário. Respeitando sempre todas as seleções, a seleção brasileira tem que ir focada para ser a primeira colocada do grupo, fazer o seu melhor e estar sempre preparada. Sempre haverá dificuldades em Copa do Mundo, é um torneio muito difícil. Tem que estar preparado e ir com respeito”, explicou.

Rivaldo foi fundamental para o pentacampeonato em 2002 –Bob Thomas/Getty Images

A Suíça ocupa a 14ª colocação no ranking da Fifa e tem como principal jogador o meia-atacante Xherdan Shaqiri, que recentemente trocou o Lyon pelo Chicago Fire, da MLS, dos Estados Unidos. Outros destaques são o goleiro Yann Sommer, do Borussia Mönchengladbach, da Alemanha, o lateral esquerdo Ricardo Rodríguez, do Torino, da Itália; e o volante Granit Xhaka, do Arsenal, da Inglaterra.

Continua após a publicidade

Caso confirme a classificação, o Brasil terá como primeiro adversário na fase de mata-mata um dos quatro integrantes do grupo H: Portugal, Gana, Uruguai e Coréia do Sul. Os favoritos, logicamente, são Portugal e Uruguai. Se passar em primeiro, joga no dia 5 de dezembro. Se for em segundo, no dia 6.

Entre os grupos, Rivaldo não considera que nenhum deles possa ser chamado de “da morte”, mas apontou o grupo E como o mais equilibrado entre todos: “os grupos estão bem divididos, não vejo um grupo da morte para esse torneio. Mesmo assim, o grupo E, com Espanha, Alemanha e Japão já confirmados, é o grupo com mais dificuldade, com o Japão brigando para tentar passar para a próxima fase. Podemos ter surpresas nesse grupo. Ao meu ver e em teoria, seleções de tradição chegam com alguma facilidade de passar sem grandes dificuldades, mas todo resultado é possível em Copa do Mundo”.

Veja os grupos da competição:

GRUPO A
Catar
Equador
Senegal
Holanda

GRUPO B
Inglaterra
Irã
Estados Unidos
Escócia, País de Gales ou Ucrânia

GRUPO C
Argentina
Arábia Saudita
México
Polônia

GRUPO D
França
Austrália, Emirados Árabes ou Peru
Dinamarca
Tunísia

GRUPO E
Espanha
Costa Rica ou Nova Zelândia
Alemanha
Japão

GRUPO F
Bélgica
Canadá
Marrocos
Croácia

GRUPO G
Brasil
Sérvia
Suíça
Camarões

GRUPO H
Portugal
Gana
Uruguai
Coréia do Sul

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.