Desfiles na Sapucaí ainda têm cerca de 20% dos ingressos disponíveis


O mundo do samba já está na contagem regressiva para os desfiles das escolas de samba do Carnaval 2022, na Marquês de Sapucaí. A vinte dias do evento, ainda restam 20% dos ingressos para arquibancadas e poucas cadeiras.

Os ensaios técnicos, que antecedem o dia do evento, terminam no próximo dia 10 de abril, com expectativa de público em torno de 40 mil pessoas para assistir a Unidos de Viradouro, atual campeã do carnaval carioca. No mesmo dia será feito o teste de luz e som na avenida e a lavagem da pista. Até lá, as 12 agremiações do grupo especial fazem os últimos ajustes técnicos antes do grande dia.

Na sexta-feira, dia 22 de abril, desfilam as escolas Imperatriz Leopoldinense, Mangueira, Salgueiro, São Clemente, Viradouro e Beija-Flor. Já no sábado, dia 23, é a vez da Paraíso do Tuiuti, Portela, Mocidade Independente de Padre Miguel, Unidos da Tijuca, Grande Rio e Vila Isabel.

O desfile das campeãs está marcado para 30 de abril.

Para o presidente da Liesa, Jorge Perligeiro, este será o carnaval do reencontro e da redenção. “Estamos trabalhando a pleno vapor. As escolas estão prontas para entrar na avenida afinando agora os últimos detalhes que, com os ensaios técnicos, precisam ser ajustados. No mais, temos certeza de que faremos um grande desfile, será, sem dúvidas, o Carnaval da redenção, do reencontro. Temos visto isso todos os domingos, com as arquibancadas cheias e o público cantando e participando dos ensaios”, comemora Jorge Perlingeiro, presidente da Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa).

Segundo Liesa, a compra pode ser feita pelo telefone (21 3190-2115). Já a compra de ingressos de arquibancadas especiais e cadeiras individuais pode ser feita com PIX ou com cartões de crédito no site https://carnavaldorio.totalacesso.com/. Os desfiles acontecem nos dias 20,21,22 e 23 de abril.

Setores de hospedagem, bares e restaurantes estão otimistas

A expectativa é de que a taxa de ocupação dos hotéis na capital fluminense chegue a 85% durante o feriado de Tiradentes, segundo o presidente do Sindicato dos Meios de Hospedagem do Município do Rio de Janeiro (Hotéis Rio). Já o presidente do Sindicato de Bares e Restaurantes do Rio de Janeiro (SindRio), Fernando Blower, afirma que apesar da cidade não receber o mesmo número de visitantes, como no período oficial de carnaval, a expectativa é de que o faturamento seja semelhante ao de um feriado regular.

“Acho que vai ser muito bom sobretudo para os bares de rua que serão impactados no entorno de locais, onde eventualmente tenha um movimento de carnaval. Mas certamente não será o mesmo movimento que tivemos em outros momentos.”

Este conteúdo foi originalmente publicado em Desfiles na Sapucaí ainda têm cerca de 20% dos ingressos disponíveis no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.