Irmão de Michael Schumacher contesta nível da Fórmula 1 e defende piloto alemão


O irmão de Michael Schumacher, Ralf Schumacher, defendeu Nico Hulkenberg e avaliou que o piloto fez por merecer continuar na Fórmula 1

A temporada 2022 da Fórmula 1 teve uma mudança forçada de última hora. Nico Hülkenberg substituiu Sebastian Vettel nas duas provas iniciais do torneio depois do piloto testar positivo para covid-19.

Hulkenberg não fez nenhum ponto, tanto na corrida do Bahrein como na Arábia Saudita. Apesar disso foi elogiado por Ralf Schumacher, irmão do heptacampeão Michael Schumacher.

“Vamos falar sobre a Aston Martin. Se eu fosse eles, continuaria com Nico Hülkenberg porque obviamente ele pode trazer valor e melhorou significativamente na corrida [em Jedá] em comparação ao Bahrein”, declarou Ralf, em coluna assinada no canal Sky Sports.

Ainda de acordo com o irmão de Michael Schumacher, o piloto alemão foi prejudicado na corrida da Arábia Saudita por causa da entrada do safety car após um acidente protagonizado por Nicholas Latifi.

Ralf ainda questionou o nível técnico dos atuais pilotos que integram a Fórmula 1.

“Sua estratégia de pneus foi afetada. Ele fez um grande trabalho, tiro o chapéu. Existem apenas duas possibilidades, realisticamente falando: ele foi subestimado por anos ou os pilotos atuais deveriam ser reconsiderados”, opinou.

O ex-piloto também falou sobre Vettel. A expectativa é de que ele esteja totalmente recuperado da covid-19 e possa, enfim, disputar a temporada 2022 da Fórmula 1.

A próxima corrida está marcada para ocorrer na Austrália, no dia 10 de abril, às 2h (horário de Brasília).

“Se Sebastian Vettel voltar agora, ele com certeza consegue tirar mais de um carro mais fraco por já estar familiarizado com o carro”, reconheceu Ralf.

“Também consigo imaginar pelo menos um pequeno upgrade da Aston Martin”, acrescentou o irmão de Michael Schumacher.

“Posso apenas esperar por isso pelo bem do Vettel, porque estou sempre preocupado dele desistir em algum momento, antes que ele fique permanentemente lá atrás. Mas agora, espero vê-lo de volta ao cockpit em Melbourne”, finalizou.

Irmão de Michael Schumacher contesta nível da Fórmula 1 e defende piloto alemãoTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.