Macron reage a fala de Biden sobre Putin e diz que conversa com presidente russo


O presidente francês Emmanuel Macron pareceu alertar contra a emissão de algum rótulo a Vladimir Putin, presidente russo, neste domingo (27). “Eu não usaria termos, porque ainda estou conversando com o presidente Putin”, disse Macron durante entrevista ao canal francês France 3.

Macron acrescentou: “Nosso objetivo é parar a guerra que a Rússia lançou na Ucrânia, evitando uma guerra e uma escalada”.

Isso ocorre depois que o presidente dos EUA, Joe Biden, emitiu intensas críticas contra o líder russo durante uma reunião com refugiados ucranianos em Varsóvia, na Polônia, no sábado. Biden classificou Putin como “açougueiro”.

Depois de minimizar, inicialmente, algum tipo de uma rivalidade pessoal entre ele e Putin, Biden aumentou sua retórica contra o russo nos últimos 10 dias.

Na semana passada, Biden pela primeira vez chamou Putin de “criminoso de guerra” e depois se referiu a ele como um “ditador assassino, um bandido puro que está travando uma guerra imoral contra o povo da Ucrânia”. Ele também chamou a invasão russa da Ucrânia de “desumana”.

Antes do início da invasão da Ucrânia pela Rússia, Macron emergiu como uma figura central nos esforços diplomáticos da Europa para difundir a situação entre Moscou e o Ocidente. O líder francês se envolveu repetidamente com Putin para tentar evitar a guerra.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Macron reage a fala de Biden sobre Putin e diz que conversa com presidente russo no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.