Quatro grandes fizeram só 3 de 9 semifinais do Paulista no modelo atual


Estadual mais longevo do país, o Campeonato Paulista desta edição caminha para suas etapas finais e já conhece seus quatro semifinalistas: Palmeiras, Red Bull Bragantino, São Paulo e Corinthians. Desde 2014, quando o formato em vigor de disputa foi organizado pela Federação Paulista de Futebol (FPF), esta será a sexta vez em que os confrontos das semifinais não serão protagonizados pelos quatro times mais vencedores da competição, e de maior expressão do estado (São Paulo, Palmeiras, Santos e Corinthians).

Assine #PLACAR digital no app por apenas R$ 6,90/mês. Não perca!

O fato é que nas últimas edições tem sido recorrente a presença de times do interior nas disputas das semifinais. Em 2021 e 2020, o Mirassol mediu forças contra São Paulo e Corinthians, respectivamente. Em 2017, a Ponte Preta enfrentou o Palmeiras. No ano anterior, o Audax venceu o Corinthians. Em 2014, Penapolense e Ituano disputaram o confronto. Edição que o time de Itu, aliás, foi campeão estadual sobre o Santos.

Neste ano, o Santos não se classificou a semifinal. Com uma campanha para lá de inconsistente, o time se safou de um inédito rebaixamento na última rodada e ficou com o 3ª no grupo D. Grupo em que Bragantino irá representar a chave, após vitória sobre o Santo André nas quartas.

Por sua vez, o time de Bragança irá disputar a semifinal depois de quinze anos. Classificado para a fase de grupos da Libertadores, o Bragantino não é mais ‘azarão’ no cenário paulista.

Continua após a publicidade

No grupo A, o Corinthians venceu nos pênaltis o Guarani e confirmou classificação. Já no grupo B, o atual campeão São Paulo venceu o São Bernardo e também avançou. Com 30 pontos e a melhor campanha geral, Palmeiras venceu o Ituano.

Desde 2014, o Campeonato Paulista é disputado em sistema de fase de grupos que antecede o mata-mata. Hoje são 16 times divididos em quatro grupos de quatro agremiações, tendo sempre São Paulo, Corinthians, Palmeiras ou Santos divididos nos grupos como cabeça de chave. As equipes enfrentam times de outros grupos realizando 12 jogos cada.

As duas melhores campanhas de cada grupo disputam entre si, em jogo único, as quartas de final. Desse modo, o atual sistema favorece, inevitavelmente, que os ‘quatro grandes’ não se encontrem nas quartas, mas que estejam presentes nas semifinais.

Curiosamente, apenas em três edições sob este formato, Palmeiras, São Paulo, Corinthians e Santos se classificaram juntos para os confrontos das semifinais.

A última vez foi em 2019: São Paulo x Palmeiras e Corinthians x Santos. Um ano antes, São Paulo x Corinthians e Santos x Palmeiras. E em 2015, Santos x São Paulo e Corinthians x Palmeiras. Maiores vencedores do estadual, eles acumulam 97 títulos em 120 edições da competição.

Santos e Corinthians fizeram uma das semifinais em 2019 –Marcello Zambrana/Agif/Folhapress

Ainda não assina Star+?! Clique aqui para se inscrever e ter acesso a jogos ao vivo, séries originais e programas exclusivos da ESPN!

Continua após a publicidade