E agora? Jogador que falou “mal” de Messi, pode reeditar dupla com o craque no PSG


Atacante já teria escolhido seu destino

Com o contrato se encerrando em junho e cada vez mais distante da Juventus, Paulo Dybala é mais um que deve ingressar na lista de estrelas livres no mercado na próxima temporada. O meia-atacante acabou perdendo espaço com Massimiliano Allegri na época vigente.

Mesmo liderando a artilharia na temporada, o atacante não conseguiu se firmar como titular absoluto na Veccha Signora. Portanto, deve buscar um caminho longe de Turim na próxima janela. De acordo com o ‘Foot Mercato’, o argentino teria escolhido o PSG como seu destino. Ao mesmo tempo, Dybala já era um sonho antigo dos parisienses.

A imprensa italiana também especula que os rivais de Milão, Internazionale e Milan, além do Tottenham e Atlético de Madrid, brigam pela contratação do jogador.

Caso o PSG sacramente a contratação do atacante Paulo Dybala, o jogador pode reeditar a parceria com duas estrelas da Argentina, Di Maria e Lionel Messi, e também o meio-campista Leandro Paredes.

No entanto, o que chama a atenção é uma declaração do meia-atacante em 2017, em uma coletiva antes do jogo entre Barcelona e Juventus

Declaração de Dybala

“Ele joga na minha posição e posso aprender muitas coisas dele: como ele interpreta o jogo, como ele pensa, como ele vê os movimentos dos companheiros. Isso pode me ajudar muito no futuro. É difícil jogar com ele porque jogamos na mesma posição, mas, em qualquer caso, tenho que me adaptar a ele e tenho que fazê-lo sentir-se confortável”, disse Dybala.

A frase “difícil jogar com Messi” acabou repercutindo negativamente no mundo todo, sobretudo na Argentina. Com a declaração, até hoje muitos torcedores argentinos criticam veemente o meia-atacante, que perdeu espaço na seleção.

Recentemente, Dybala chegou a pedir desculpas pela declaração e disse que deveria ter usado palavras diferentes. Segundo o argentino, a fala se referia apenas no campo tático, já que os dois atuam na mesma posição.

Desde a declaração, os dois voltaram a jogar juntos na Argentina, contudo, Dybala nunca recuperou a titularidade, enquanto Lionel Messi segue indiscutivelmente como o principal jogador do país. Resta saber como a dupla jogaria na equipe francesa.

E agora? Jogador que falou “mal” de Messi, pode reeditar dupla com o craque no PSGTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.