Vitória do Palmeiras, Barcelona embalado, jogos da Copa do Brasil, Gustavo Henrique cobiçado e mais: veja as últimas notícias de hoje (17)


Barcelona vira sobre o Galatasaray e avança na Europa League

O time comandado pelo ex-meia Xavi empolgou de vez na temporada europeia. Os blaugranas foram até a Turquia para derrotar o Galatasaray, do ex-flamenguista Domenec Torrent, por 2 a 1. A primeira partida tinha sido empate sem gols, em pleno Camp Nou. Agora os catalães avançam às quartas de finais da UEFA Europa League.

Falando na segunda competição mais importante do Velho Continente, a Europa League já tem definidos todos os clubes que passaram às quartas de final do torneio. Barcelona, West Ham, Atalanta, Rangers, Sporting Braga, Lyon, RB Leipzig e Eintracht Frankfurt foram as equipes classificadas.

Vale lembrar que o RB Leipzig não precisou disputar as oitavas de final, pois enfrentou o Spartak de Moscou, eliminado por causa da guerra entre Rússia e Ucrânia. O sorteio das quartas final será realizado nesta sexta-feira (18), a partir das 09h30, horário de Brasília.

Juventude sofre, mas garante classificação na Copa do Brasil

A equipe do Juventude entrou em campo na noite desta quinta-feira pela segunda fase da Copa do Brasil, diante do Real Noroeste, do Espiríto Santo, fora de casa. Sob o comando de Eduardo Baptista, o time gaúcho venceu o adversário com gol de falta marcado por Chico.

O clube da elite nacional ainda contou com uma defesa de pênalti do goleiro César. Agora o Juventude espera o sorteio da terceira fase para descobrir o próximo desafio.

Godín devolve camisa 3 do Atlético-MG para Alonso e usará número inédito

C0ntratado no início do ano, o uruguaio Diego Godín vai usar outro número no decorrer da temporada. Apresentado como camisa 3, o experiente educadamente devolveu o número ao defensor Júnior Alonso, que retornou ao Atlético recentemente. Agora o jogador de 36 anos usará a camisa 14, numeração inédita em toda a longa carreira como profissional.

Palmeiras derrota o Corinthians em clássico marcado por arbitragem polêmica

Em jogo atrasado da 6ª rodada do Campeonato Paulista, o Palmeiras derrotou o rival Corinthians, por 2 a 1, no estádio Allianz Parque, na capital paulista. O Verdão abriu o placar ainda no primeiro tempo, com Raphael Veiga cobrando pênalti – ele acertou a 20ª cobrança em 20 tentativas pelo alviverde.

No segundo tempo, o time de Itaquera equilibrou o confronto e chegou ao empate com Roger Guedes, também cobrando penalidade e aplicando a famosa “Lei do Ex”. No entanto, a alegria dos corintianos não durou muito porque o volante Danilo anotou o gol da vitória poucos minutos depois.

O Derby desta quinta-feira teve o apito de Matheus Delgado Candançan, de apenas 23 anos. Apesar da pouca idade, o jovem árbitro estava indo bem até a marcação de pênalti para o Palmeiras, após recomendação de análise do VAR. Parte da imprensa e a torcida inteira do Corinthians não acharam que o zagueiro Gil fez força suficiente para derrubar Danilo.

A outra polêmica do confronto foi em outro pênalti, desta vez para o Timão. O atacante Roger Guedes foi derrubado pelo zagueiro Murilo. Desta vez a torcida do Palmeiras reclamou da marcação.

Em nova entrevista, Renato diz que tinha “as chaves do CT” do Grêmio e fala da fase atual do clube: “Sei o que acontece”

O técnico Renato Portaluppi voltou aos holofotes nesta quinta-feira ao dar entrevista ao programa “Tá na Área”, do canal SporTV. Polêmico como sempre, o treinador comentou sobre o período à frente do Grêmio, entre 2016 e 2021, e falou sobre sua autoridade dentro do Tricolor.

“Fiquei quase cinco anos no Grêmio e conquistamos sete ou oito títulos. E digo com toda a humildade do mundo: eu não tinha a chave da Arena, tinha a chave do CT. Todo treinador que se garante tem que ter a chave do CT. Quando as coisas dão errado, o treinador que é o demitido. Eu combinava assim com o presidente: ele cuidava da Arena, eu do CT. Me metia em todos os departamentos. Se via algo errado, falava com profissionais para eles mudarem”, disse.

Gustavo Henrique, do Flamengo, interessa São Paulo e outro gigante da Série A; Salário pode dificultar saída

Sem espaço após as contratações de Pablo e Fabrício Bruno, o zagueiro Gustavo Henrique pode deixar o Flamengo muito em breve. O jogador de 28 anos tem propostas de São Paulo e Internacional, ambas inicialmente por empréstimo. O maior empecilho é em relação ao salário do atleta. As informações foram divulgadas pelo jornalista Jorge Nicola, em seu canal no Youtube.

Vitória do Palmeiras, Barcelona embalado, jogos da Copa do Brasil, Gustavo Henrique cobiçado e mais: veja as últimas notícias de hoje (17)Torcedores – Notícias Esportivas.