Um gato robótico para montar -e programar- em casa


Ele se chama Nybble (adaptação da palavra “petisco”, em inglês), tem 25 centímetros de comprimento e vem desmontado: a graça está em encaixar as peças para formar o bicho, cujo cérebro é um minicomputador Raspberry Pi.

Segundo a empresa chinesa Petoi, que criou e vende o kit por US$ 249, a montagem do gato leva cerca de quatro horas (e não requer ferramentas específicas). Ele aceita comandos via Wi-Fi e Bluetooth, e vem com um aplicativo que controla suas funções básicas, como andar, acenar e fingir de morto.

Mas a ideia é que o dono crie outras – e aprenda programação de software fazendo isso.

Compartilhe essa matéria via:

Continua após a publicidade


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.