Dono do Houston Rockets está interessado na compra do Chelsea


Dono do Houston Rockets se mostra interessado pela compra do clube de futebol inglês Chelsea

A venda do Chelsea F.C.

Com a invasão da Rússia à Ucrânia, o proprietário do Chelsea Roman Abramovich, pôs o clube à venda. Por causa dos recentes acontecimentos no leste europeu e devido à guerra na Ucrânia, a Premier League obrigou o oligarca russo a se afastar do comando da instituição e a vender o clube.

Abramovich comprou o Chelsea em 2003, por cerca de US$183 milhões. Recentemente, com o que vêm acontecendo entre Rússia e Ucrânia, a opinião pública tem criticado bastante o proprietário do Chelsea, além disso Abramovich também sofreu sanções do governo britânico devido à sua ligação com o presidente da Rússia Vladimir Putin, responsável pela invasão à Ucrânia. Ainda assim, o magnata russo prometeu doar os lucros líquidos da negociação às vítimas da guerra na Ucrânia.

Tilman Fertitta, dono do Rockets têm interesse na compra do Chelsea

De acordo com Mark Kleinman, do portal Sky News, Fertitta é o mais recente bilionário esportivo norte-americano a entrar na disputa pela aquisição do Chelsea Football Club.

Segundo a publicação, ainda não está totalmente claro se Fertitta de fato apresentará uma proposta formal pelo Chelsea até o final de semana, ou se ele está em conversa com outros investidores para uma oferta conjunta.

Segundo a revista Forbes, o patrimônio de Fertitta é estimado em US$6,2 bilhões. Em 2017, o empresário advindo do Texas adquiriu o Houston Rockets por US$2,2 bilhões, tendo sido a venda mais cara de uma franquia da NBA na história. Superando os US$2 bilhões pagos por Steve Ballmer na compra pelo Los Angeles Clippers em 2014.

Além de tudo, Fertitta, de 64 anos, também é dono dos hotéis e cassinos Golden Nugget e da rede de restaurante Landry’s. O empresário também foi apresentador do reality show Billion Dollar Buyer, do canal CNBC.

Segundo a publicação de Mark Kleinman, outros cinco bilionários residentes dos Estados Unidos se mostraram interessados na negociação pelo clube de futebol de Londres: Todd Boehly, co-proprietário do Los Angeles Dodgers (MLB); a família Ricketts, dona do Chicago Cubs (MLB); Woody Johnson, dono do New York Jets (NFL); Josh Harris, dono do Philadelphia 76ers (da própria NBA), e o indiano Vivek Ranadivé, proprietário do Sacramento Kings (NBA).

Dessa maneira, o Chelsea pode se tornar o quarto gigante do futebol inglês a ser comandado por um empresário nascido ou que tem laços com os Estados Unidos. Arsenal, Liverpool e Manchester United já têm norte-americanos como proprietários.

Entretanto, um grupo da Arábia Saudita pode acabar com os planos dos norte-americanos. De acordo com a rede CBS, o Saudi Media Group teria feito uma oferta de US$3,5 bilhões para comprar o Chelsea.

 

LEIA MAIS:

https://www.torcedores.com/noticias/2022/03/chelsea-recebe-proposta-17-bilhoes-arabia

http://www.metropoles.com/esportes/futebol/emissora-revela-acordos-corruptos-de-roman-abramovich-do-chelsea%3famp

 

 

Dono do Houston Rockets está interessado na compra do ChelseaTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.