Ed Sheeran canta no tribunal durante julgamento sobre direitos autorais


O cantor e compositor britânico Ed Sheeran cantou no tribunal nesta terça-feira (8), como uma maneira de fornecer evidências no julgamento de direitos autorais sobre o seu mega hit “Shape Of You”, de 2017.

O artista que liderou as paradas está em uma disputa legal com o artista de Grime, Sami Chokri, que se apresenta como Sami Switch, e o produtor musical Ross O’Donoghue, que alegam que “Shape of You” teria “linhas e frases específicas” da música deles de 2015, “Oh Why”.

Chokri e O’Donoghue dizem que o gancho “Oh I” de “Shape Of You” é “surpreendentemente similar” com o gancho “Oh Why” da música deles e que era “extremamente provável” que Sheeran tivesse ouvido a canção. Sheeran e seus co-compositores negaram que isso tenha acontecido.

No segundo dia de interrogatório feito pelo advogado de Chokri e O’Donoghue, Andrew Sutcliffe, Sheeran cantou o gancho “Oh I” várias vezes. Ele também cantou trechos de músicas que incluíram “Feeling Good” de Nina Simone com o mesmo tom para mostrar como melodias podem soar de maneira similar.

Questionado várias vezes sobre as similaridades entre “Oh Why” e “Oh I”, Sheeran disse à Alta Corte em Londres: “São duas escalas pentatônicas e ambas usam vogais”.

A corte ouviu gravações de Sheeran cantando o gancho em tons diferentes.

Sheeran ficou brevemente irritado quando um pequeno trecho de uma de suas músicas que ainda não foi lançada foi tocada. Disseram ao tribunal que a pasta errada no laptop de Steven McCutcheon, um dos co-autores de “Shape of You” foi aberta acidentalmente.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Ed Sheeran canta no tribunal durante julgamento sobre direitos autorais no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.