Vacinação no carnaval amplia a proteção contra a covid-19


A Secretaria de Saúde colocou dois carros para percorrerem áreas isoladas de Brazlândia, iniciativa que está incentivando trabalhadores e a própria comunidade a colocarem a caderneta de vacinação em dia | Fotos: Tony Winston/Agência Saúde-DF

“O carro chegou aqui e todos que estavam na obra vieram”, revelou o trabalhador Josevaldo dos Santos

O sábado de carnaval não teve festa para Kelma Torres, 28 anos, mas vai ficar marcado como o dia em que ela finalmente recebeu a primeira dose da vacina contra a covid-19. “Eu não tinha tempo. Agora deu certo porque foi perto de casa”, conta. Ela foi vacinada na Unidade Básica de Saúde localizada na comunidade Incra 8, em Brazlândia.

Desde 9 horas da manhã e até 17h, foram quatro locais em funcionamento no DF, para atender crianças de 5 a 11 anos, e seis para pessoas acima de 12 anos. A abertura dos locais de vacinação em pleno carnaval também ajudou quem precisava levar as crianças para receber o imunizante contra a covid-19. Priscila Monteiro levou a filha Larissa Vitória, 6 anos, para receber a primeira dose na Unidade Básica de Saúde 5 de Taguatinga. “Foi ótimo, tudo vazio, muito tranquilo”, garantiu.

“Facilitamos o acesso à vacina para quem, por algum motivo, não foi imunizada”, afirmou a chefe do Núcleo de Vigilância Epidemiológica e Vacinação da Região Oeste, Zildene Bittencourt

Carro da Vacina

A vacinação chegou até a quem nem planejava se imunizar neste sábado. Isso porque dois carros da Secretaria de Saúde percorrem áreas isoladas de Brazlândia. A bordo, além de uma equipe multiprofissional e das vacinas, vai todo o material necessário para aplicar primeira dose, segunda dose ou dose de reforço. Só assim para o Josevaldo dos Santos, 55 anos, colocar o cartão de vacinação em dia. Ele trabalhava em uma construção quando foi surpreendido com o chamado pelo megafone do veículo. “O carro chegou aqui e todos que estavam na obra vieram”, disse.

A chefe do Núcleo de Vigilância Epidemiológica e Vacinação da Região Oeste, que abrange Ceilândia e Brazlândia, Zildene Bittencourt, explicou que ação leva os imunizantes para população com dificuldade de ter acesso às unidades de saúde, localizadas nos centros urbanos do Distrito Federal. “Facilitamos o acesso à vacina para quem, por algum motivo, não foi imunizada”, afirmou. Em sete sábados, os carros da vacina já aplicaram 3 mil doses.

Funcionamento

Além deste sábado, na segunda-feira (28), a UBS 1 da Asa Sul vai atender crianças e adultos, das 9h às 17h. Já o ponto de vacinação da Rodoviária do Plano Piloto, que também funcionará das 9h às 17h, fará atendimento exclusivo para pessoas a partir de 12 anos. Na quarta (2), a partir das 14h, a maioria dos locais de vacinação estarão em funcionamento. Confira no site da Secretaria de Saúde.

*Com informações da Secretaria de Saúde do DF

Vacinação no carnaval amplia a proteção contra a covid-19

The post Vacinação no carnaval amplia a proteção contra a covid-19 appeared first on Agência Brasília.