Ex-Corinthians, Tevez desmente tentativa de assalto e morte de segurança


Tevez está envolvido em polêmica com notícias falsas e desmente tentativa de assalto e morte de segurança particular

O atacante Carlos Tevez está envolvido em meio a boatos na argentina. De acordo com o tradicional Olé, o jogador teria passado por um grande susto na madrugada da última terça-feira. Em Buenos Aires, onde mora, o atleta de 38 anos teria sido assaltado no bairro Fuerte Apache onde joga semanalmente. Conforme o relato feito, um confronto armado ocorrerá em uma tentativa de assalto. O jornal noticiou, inclusive, a morte de um segurança de Carlitos.

Contudo, a família de Tevez desmentiu a informação. Segundo eles, não houve morte ou tiroteio, nem Tevez envolvido em nenhum evento semelhante.  A família sustenta ainda que informação falsa incluia um comissário chamado Funes Mori e um crimonoso de alcunha Diego Armando. Além disso, foi comentado que havia um vídeo mostrando a ação e os momentos de tensão. Tudo foi negado pelas autoridades locais de Buenos Aires.

Tevez de fato fez um boletim de ocorrência. Porém, apenas após os boatos. Nele, o jogador afirma que nada ocorreu.

“SÍNTESE DO FATO: Data e hora, funcionários do GTO são informados por diversas fontes de comunicação que um suposto confronto armado ocorreu nas primeiras horas do dia da data entre a guarda pessoal do jogador de futebol Carlos Tevez no NUDO 01 (BARRAGAN Y AV MILITAR), e em decorrência disso haveria várias armas apreendidas e apreendidas, além de um HAF masculino falecido em um hospital, consulta é evacuada em hospitais e dependências circunvizinhas, dando resultado negativo. A comunicação é mantida com UFI 06 Dr. Farber tem uma capa UT SUPRA e outras formalidades.- CDO CRIO MARTINEZ ERICO I”, dizia o  boletim de ocorrência.

Ex-Corinthians, Tevez desmente tentativa de assalto e morte de segurançaTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.