Em conversa por telefone, Macron e Putin concordam em agir para preservar a paz


O presidente francês Emmanuel Macron e o líder russo Vladimir Putin concordaram sobre a necessidade de encontrar uma solução diplomática para a crise na Ucrânia, disse o gabinete de Macron neste domingo (20).

Eles conversaram hoje por telefone. Os ministros das Relações Exteriores dos dois países se reunirão nos próximos dias para esse fim e trabalharão em uma possível cúpula com Rússia, Ucrânia e aliados para estabelecer uma nova ordem de segurança na Europa, disse o palácio do Eliseu.

Segundo um comunicado do governo francês, o diálogo entre Macron e Putin é o “último esforço para evitar uma invasão russa da Ucrânia”.

Macron também conversou com o ucraniano Volodymyr Zelensky por 30 minutos neste domingo, logo após falar com o presidente russo. Zelensky e Macron discutiram possíveis maneiras de garantir a desescalada imediata.

“A conversa telefônica com o presidente Putin durou 1 hora e 45 minutos”, informou o Palácio do Eliseu.

Uma fonte do Palácio do Eliseu disse anteriormente à CNN que Paris esperava “construir um roteiro útil para os próximos dias”.

Encontro com Putin na Rússia

Macron e Putin se encontraram neste mês para falar sobre a escalada da crise. O presidente da França recusou um pedido do Kremlin para que ele fizesse um teste russo de Covid-19 quando chegou para ver Putin, disseram duas fontes da comitiva de Macron à Reuters.

Como resultado, o chefe de Estado francês visitante foi mantido à distância do líder russo durante longas conversas sobre a crise na Ucrânia em Moscou.

Eles foram fotografados em extremidades opostas de uma mesa tão longa que provocou comentários satíricos nas mídias sociais e especulações, inclusive de diplomatas, de que Putin poderia estar usando isso para enviar uma mensagem.

*Com informações de Darya Korsunskaya, da Reuters

Este conteúdo foi originalmente publicado em Em conversa por telefone, Macron e Putin concordam em agir para preservar a paz no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.