Gabigol é convocado para prestar depoimento em caso de racismo no clássico Flamengo x Fluminense


Atacante do Flamengo foi chamado de “macaco” no Fla-Flu pelo Campeonato Carioca

Nesta segunda-feira (14) foi confirmado que Gabigol foi vítima de racismo no clássico entre Flamengo e Fluminense. O laudo solicitado pelo Rubro-Negro evidenciou os gritos criminosos vindos das arquibancadas do estádio Nilton Santos, em clássico que foi válido pelo Campeonato Carioca no dia 6 desse mês.

Com isso, Gabigol foi convocado pelo TJD para prestar depoimento na sexta-feira (18), que será de forma virtual, pois ele estará em Cuiabá para o jogo contra o Atlético-MG pela Supercopa do Brasil. O tribunal solicitou também uma versão do Fluminense no inquérito do caso de racismo.

O ídolo do Flamengo se pronunciou nas redes sociais após o lamentável episódio, além de começar a comemorar seus gols com o punho direito cerrado e erguido, um símbolo na luta contra a injúria racial.

Confira as palavras de Gabigol

“No momento, eu ouvi quando estava descendo, mas estava tão focado no jogo que fui para o vestiário. Depois eu sabia que teria alguma imagem para provar. Não conseguimos achar quem foi, mas é uma cena muito triste, pois meus pais estavam lá, meus amigos. É algo que não é viável, não tem tamanho para quem faz isso. Fiz isso e faço porque posso representar muitas pessoas que passam por isso e não vemos. Ter isso como exemplo, uma voz ativa, é importante. Espero que as devidas medidas sejam tomadas. Vi que o Flamengo está se posicionando, o Fluminense tem ajudado. Recebi a mensagem do Vasco. Não é só futebol, todos devemos entender que isso não deve existir. Fiquei feliz pelo gol de ontem e comemorar dessa forma.”

Gabigol é convocado para prestar depoimento em caso de racismo no clássico Flamengo x FluminenseTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.