Tucanos vão abrir negociação com MDB e União Brasil para formar federação, diz presidente do PSDB


Na próxima terça (15), o PSDB abre formalmente a negociação com MDB e União Brasil para a formação de uma federação partidária, o que pode levar a agremiação a abrir mão da pré-candidatura do governador de São Paulo, João Doria, à Presidência da República.

Segundo o presidente do PSDB Bruno Araújo disse à CNN, “as pretensões de candidaturas de cada partido ficam sujeitas as deliberações futuras da eventual federação”. É a primeira vez que o PSDB admite formalmente a possibilidade de negociar a candidatura João Doria num acordo partidário.

Escolhido pré-candidato pelo PSDB após um acirrado processo de prévias internas, João Doria tem um desempenho considerado abaixo do mínimo necessário para manter a união partidária em torno de seu nome, o que tem parte do tucanato a buscar uma alternativa política viável para o governador.

Doria enfrenta a resistência interna de nomes influentes do partido como Aécio Neves, Tasso Jereissati e José Aníbal, mas recebeu apoio público do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

A criação de uma federação partidária com outros partidos como MDB e União Brasil faria as agremiações envolvidas a abrir mão de seus pré-candidatos e uma nova escolha seria realizada, buscando um nome de consenso das siglas.

A assessoria do governador João Doria negou veementemente que haja qualquer articulação para a desistência e que as especulações seriam apenas uma tentativa de enfraquecimento da candidatura por alguns membros de uma ala minoritária que não aceitou o resultado das prévias do PSDB.

Vencido nas prévias presidenciais do PSDB, o governador gaúcho Eduardo Leite pode seguir outro caminho e disputar a reeleição no Rio Grande do Sul.

Eleições 2022

CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por todas as plataformas digitais.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Tucanos vão abrir negociação com MDB e União Brasil para formar federação, diz presidente do PSDB no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.