Coleção de tênis da Louis Vuitton é vendida por valor recorde de R$ 130 milhões


A Sotheby’s vendeu 200 pares de tênis desenhados pelo diretor criativo da Louis Vuitton, Virgil Abloh, que morreu em novembro passado, por um “recorde” coletivo de US$ 25,3 milhões, revelou a casa de leilões nesta semana. O valor é oito vezes maior do que a estimativa inicial de US$ 3 milhões.

A edição especial dos tênis Louis Vuitton e Nike “Air Force 1” foi projetada para a Louis Vuitton Spring-Summer 2022, e o leilão marcou a primeira vez que os tênis foram colocados à venda. Um porta-voz da Sotheby’s contou à CNN, nesta quinta-feira (10) que, como coleção, os tênis garantiram um “leilão recorde” na história da moda.

Os pares individuais de tênis, no entanto, já tiveram um preço ainda mais alto em leilões. Isso inclui um par de Nike Air Ships usado pelo astro do basquete Michael Jordan, vendido por US$ 1,47 milhão em outubro de 2021.

Abloh, que era o diretor artístico da moda masculina da Louis Vuitton – e o primeiro diretor artístico negro da maison – morreu em novembro aos 41 anos depois de lutar em particular por dois anos contra uma forma rara de câncer.

Os sapatos variavam em tamanho de 5 a 18, com o par de tamanho 5 garantindo o preço mais alto, em US$ 352.800 (cerca de R$ 2 milhões) – mais de 23 vezes sua estimativa de US$ 15.000.

A Sotheby’s disse que recebeu 10.000 ofertas no total – 40% das quais vieram da Ásia. Mais de dois terços dos licitantes tinham menos de 40 anos.

 

Cada par foi vendido com uma bolsa laranja Louis Vuitton feita de couro taurillon e reinterpretada a partir de designs anteriores do arquivo da casa de moda.

O valor da venda será destinada ao Fundo Virgil Abloh “Pós-Moderno” de Bolsas de Estudo para negros, afro-americanos e estudantes de ascendência africana na indústria da moda.

Abloh esteve envolvido na organização inicial do leilão antes de morrer. Charles F. Stewart, CEO da Sotheby’s, afirmou em comunicado que o leilão “recorde”, que teve “participação global inigualável”, foi uma prova do legado de Abloh como “um dos artistas e designers mais visionários de sua geração, cujo influência e impacto ainda são palpáveis.”

Além de ser designer de moda da Louis Vuitton, Abloh fundou a marca Off-White. Ele também foi DJ e ex-diretor de criação da agência de design Donda, de propriedade de Kanye West, que agora é conhecido como Ye.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Coleção de tênis da Louis Vuitton é vendida por valor recorde de R$ 130 milhões no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.