Equipe ainda tenta socorrer criança presa há cinco dias em poço no Marrocos


Equipes de resgate tentam remover pedras delicadamente neste sábado enquanto cavavam em direção a um menino que ficou preso por cinco dias em um poço no norte do Marrocos, uma operação perigosa constantemente ameaçada por deslizamentos de terra.

Trabalhadores com escavadeiras mecânicas trabalham 24 horas por dia para resgatar a criança de 5 anos, identificada apenas como Rayan, depois que ela caiu em um poço de 32 metros de profundidade nas colinas perto de Chefchaouen, na terça-feira.

“As pessoas que nos amam não estão poupando esforços para salvar meu filho”, disse o pai de Rayan com uma voz cansada e quase inaudível, enquanto observava os esforços de resgate na noite de sexta-feira, vestindo um tradicional manto de lã com capuz contra o frio.

Imagens na mídia marroquina mostraram Rayan encolhido no fundo do poço, que se estreita à medida que desce de 45 cm (18 polegadas) de largura no topo, impedindo que os socorristas desçam.

Centenas de aldeões esperavam nas proximidades por notícias enquanto a operação de resgate continuava, com trabalhadores em capacetes e coletes de alta visibilidade carregando macas, cordas, outros equipamentos em um caminho que cavaram paralelamente ao poço.

Na sexta-feira, os socorristas começaram a escavar cuidadosamente um túnel horizontal em direção à criança, às vezes recebendo ordens para estabilizar a terra. O trabalho ficou mais difícil quando encontraram rochas entre a vala e o poço, disse uma testemunha.

Os socorristas estão colocando tubos de concreto no túnel horizontal enquanto cavam para permitir que eles puxem Rayan para um local seguro.

Um parente masculino de Rayan disse à Reuters TV que a família percebeu pela primeira vez que ele estava desaparecido quando ouviu um choro abafado e baixou um telefone com a luz e a câmera ligadas para localizá-lo.

“Ele estava chorando e dizendo ‘me levante’”, disse o parente.

A região montanhosa ao redor de Chefchaouen é muito fria no inverno e, embora a comida tenha sido reduzida a Rayan, não ficou claro se ele comeu. Ele também recebeu água e oxigênio por meio de um tubo.

Este conteúdo foi originalmente publicado em Equipe ainda tenta socorrer criança presa há cinco dias em poço no Marrocos no site CNN Brasil.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.