Arte e Acesso: Itaú Cultural mapeia artistas com deficiência em plataforma virtual


O site Arte e Acesso – Portfólio Coletivo de Artistas com Deficiência foi lançado na última sexta-feira (26/11) durante a quinta edição de festival Entre Arte e Acesso, realizado pelo Itaú Cultural. A plataforma mapeia pessoas com deficiência atuantes em diferentes áreas e linguagens artísticas, reunindo atualmente cerca de 50 perfis. O projeto visa incentivar programadores, curadores e produtores a ampliar a presença desses artistas em suas atividades.

“O Itaú Cultural firmou há alguns anos um compromisso com a acessibilidade. Isso se oficializa em 2012, dentro do Núcleo de Educação, quando começamos a oferecer conteúdos em libras nas exposições e contratamos uma educadora surda. Depois desse primeiro passo, as ações de acessibilidade se expandiram. Hoje oferecemos interpretação em libras em todas as nossas programações e acessibilidade ao público cego – com peças, pisos e mapas táteis e audiodescrição”, explicou Vinícius Magnun, produtor do Núcleo de Educação e Relacionamento da instituição, na live de lançamento do site.

No momento, a plataforma reúne cerca de 50 perfis de 13 estados, como o do realizador audiovisual Victor Di Marco, primeiro nome do Rio Grande do Sul a integrar o portfólio. Di Marco tem paralisia cerebral e codirigiu o curta O que Pode um Corpo? (2020) – ao lado de Márcio Picoli –, que estreou no 31º Curtas Kinoforum, e atualmente desenvolve o longa Nós a Sós, além de produzir conteúdos sobre capacitismo.

Santa Catarina conta atualmente com dois perfilados: o duo A Corda em Si (Mateus Costa e Fernanda Rosa, ambos com deficiência visual), e o poeta surdo Gustavo Gusmão Ferreira. Também estão inscritos na plataforma artistas como a drag queen surda Kitana Dreams (Rio de Janeiro), a poeta e ativista do movimento de mulheres negras surdas Priscila Leonnor (Bahia) e o trio de artistas gráficos autistas Irmãos Mamedes (Minas Gerais).

O festival Arte e Acesso também promoveu a apresentação de 15 trabalhos selecionados em edital voltado a artistas e pesquisadores com deficiência, visando dar visibilidade a esses profissionais e debater questões de acessibilidade no campo da arte e da cultura – assista às atividades e apresentações no canal de YouTube do Itaú Cultural, com interpretação em libras, audiodescrição e estenotipia.

O post Arte e Acesso: Itaú Cultural mapeia artistas com deficiência em plataforma virtual apareceu primeiro em Matinal.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.