Impedido ou mesma linha? Marcação contra o Fluminense gera críticas ao VAR


VAR acabou sendo protagonista novamente em lance duvidoso e polêmico no Brasileiro, que anulou pênalti durante Athletico-PR x Fluminense

A arbitragem brasileira viveu um final de semana complicado com a disputa a 27ª rodada do Brasileirão com diversos questionamentos quanto à lances duvidosos.

Um dos principais lances ocorreu em Athletico-PR 0x1 Fluminense disputado na Arena da Baixada pois uma imagem divulgada pela CBF sobre a marcação de um impedimento contra o Fluminense despertou polêmica.

O lance em questão foi a revisão de um pênalti no atacante John Kennedy e o impedimento na origem da jogada cancelou o penal. Porém, as linhas que representam o penúltimo defensor e o atacante estão sobrepostas.

Diversos torcedores ficaram em dúvida sobre uma possível colocação incorreta das linhas de impedimento, algo que já ocorreu nesta temporada no jogo Brusque x Vasco, válido pela Série B.

VAR prejudicou o Fluminense, segundo a “Central do Apito”

Athletico x Fluminense - VAR Brasileirão

Reprodução / TV Globo

Na transmissão da TV Globo, o comentarista da Central do Apito, Sandro Meira Ricci, confirmou que o impedimento não deveria ser marcado e o Fluminense acabou sendo prejudicado pois o pênalti seria validado.

O ex-árbitro ainda pediu que a CBF disponibilize os áudios da comunicação entre o árbitro e o árbitro do VAR para tentar compreender o motivo pelo qual esta decisão foi tomada.

Este lance acabou não interferindo no resultado final do jogo pois o Fluminense venceu o Athletico-PR com gol contra de Zé Ivaldo em jogo disputado na Arena da Baixada.

LEIA TAMBÉM:

Bráulio marca pênalti, expulsa Edenílson, e torcedores do Inter se revoltam: “larápio”

Internautas detonam Cléber Machado após pênalti em Palmeiras x Inter: “torce menos”

Bruno Méndez é destaque do Inter no Brasileirão; veja os números

Impedido ou mesma linha? Marcação contra o Fluminense gera críticas ao VARTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.