Série C: sem a CBF, clubes se reúnem e cobram apoio da entidade


Torneio nacional não tem data para começar por conta da paralisação do futebol brasileiro, em virtude da pandemia do coronavírus

A paralisação por tempo indeterminado do futebol brasileiro em virtude da pandemia do coronavírus já traz consequências. O Brasileirão Série C, por exemplo, ainda não tem data para começar. Além disso, vários clubes do campeonato veem queda na arrecadação. Sem jogar, eles não têm a renda dos ingressos comparados pelos torcedores. Com isso, há dificuldades para não atrasar salários de jogadores e funcionários.

Nesta sexta-feira (27), representantes dos clubes da Série C se reuniram a fim de discutir uma solução. O encontro foi realizado sem a presença da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), confirme disse Fábio Bentes, presidente do Clube do Remo.

Você conhece o canal do Torcedores no YouTube? Clique e se inscreva!
Siga o Torcedores também no Instagram

“Essa reunião inicial foi feita apenas entre os clubes por ideia nossa mesmo. A CBF ainda não participou. Entre outras coisas que foram discutidas, o foco principal foi a necessidade dos clubes encontrarem uma solução financeira pra esse período que vão ficar sem jogos”, iniciou.

“Esse é o problema mais imediato a ser resolvido, até porque os clubes, de uma forma geral, não têm receita fixa que dê pra fazer frente a essas despesas. A gente depende de estar jogando pra que isso aconteça”, acrescentou Fábio Bentes.

Fábio Bentes (foto) comentou a reunião entre os clubes da Série C que ocorreu na sexta-feira (27) - imagem: Samara Miranda/ascom Remo

Fábio Bentes (foto) comentou a reunião entre os clubes da Série C que ocorreu na sexta-feira (27) – imagem: Samara Miranda/ascom Remo

Movimentação e pedido de ajuda

Ainda na sexta-feira (28), jogadores que integram equipes da Série C iniciaram um movimento a fim de reivindicar apoio da CBF, entidade que organiza a Terceira Divisão do Campeonato Brasileiro.

Em documento compartilhado pelo zagueiro Danny Morais, do Santa Cruz, pelo menos 16 capitães assinaram o abaixo-assinado.

“Os impactos financeiros desta paralisação serão terríveis para o mundo do futebol. Contudo, para os clubes e atletas que disputam a Série C serão ainda mais graves”, diz a nota.

“Esse movimento que surgiu dos capitães tem alinhamento com os clubes, visto que o pleito deles prioritário é que se tenha um socorro nesse momento pra que os clubes consigam fazer frente às suas dispensas imediatas”, finaliza Fábio Bentes.

Post de Danny Morais:

View this post on Instagram

?NOTA OFICIAL DOS ATLETAS DA SÉRIE C

A post shared by DANNY MORAIS (@danny_morais4) on

Leia também:

Estádios de Remo e Paysandu viram postos de vacinação contra a gripe; veja imagens

Série C: sem a CBF, clubes se reúnem e cobram apoio da entidadeTorcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.